Banca de QUALIFICAÇÃO: Jefferson Dos Santos Funaro

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : Jefferson Dos Santos Funaro
DATA : 26/12/2021
HORA: 14:00
LOCAL: ENSINO REMOTO EMERGENCIAL
TÍTULO:

 

MÉDIO DA BACIA HIDROGRÁFICA DO CÓRREGO PIRAPUTANGAS, NO MUNICÍPIO DE CÁCERES - MT: USO DA TERRA E ALTERAÇÕES  AMBIENTAIS


PALAVRAS-CHAVES:

 

Córrego; uso e cobertura; Protocolo


PÁGINAS: 51
RESUMO:

 

As formas de uso e ocupação contribuem com os processos de degradação ao meio ambiente, sobretudo aqueles voltados aos recursos hídricos O estudo teve como objetivo identificar as categorias de uso da terra e avaliar condições ambientais no canal fluvial no médio curso da bacia hidrográfica do córrego Piraputangas, no município de  Cáceres no estado de Mato Grosso. Procedimentos metodológicos: confecção do mapa de uso e cobertura do solo usando o ‘software’ ArcGis, utilizando a base de dados vetorial na escala de 1:250.000 do portal de downloads do IBGE, disponível na ementa geociências do site; entrevista informal e observação, aplicação do protocolo de Avaliação Rápida (Pars), foi aplicado em três seções transversais no médio curso da bacia hidrográfica o córrego Piraputanga. O uso e cobertura da terra do médio da bacia hidrográfica do córrego Piraputanga conforme o mapeamento está assim, distribuída:  áreas preservadas formações florestais (33,20%), Formação Savânica(10,08%),  Campo Alagado e Área Pantanosa (0,02%) e Formação Campestre (3,59%). As áreas com atividades antrópicas são: floresta plantada (0,10%), pastagem (51,99%), cana-de-açúcar (0,27%) e outras lavouras temporárias (0,66%). A seção I apresentou as melhores condições de preservação, foi avaliada como natural, obtendo 83 pontos.  Nas seções II e III foram registrados maiores alterações  nas características  do leito e o nível de impactos ambientais decorrentes das atividades antrópicas. Com as respectivas pontuações, seção II 47 pontos e seção III 50 pontos, considerado alterado. Os Protocolos de Avaliação Rápida de Rios (PAR) são eficazes para avaliar as condições dos sistemas hídricos superficiais.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 80797005 - CARLA GALBIATI
Presidente - 83161001 - CELIA ALVES DE SOUZA
Externo ao Programa - 39390001 - GUSTAVO ROBERTO DOS SANTOS LEANDRO
Interno - 48690002 - SOLANGE KIMIE IKEDA CASTRILLON
Notícia cadastrada em: 26/11/2021 15:56
SIGAA | Tecnologia da Informação da Unemat - TIU - (65) 3221-0000 | Copyright © 2006-2022 - UNEMAT - sig-application-02.applications.sig.oraclevcn.com.srv2inst1