Banca de QUALIFICAÇÃO: VICENTE PATARAICO JUNIOR

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : VICENTE PATARAICO JUNIOR
DATA : 14/04/2021
HORA: 08:00
LOCAL: Web Conferência - Google Meet
TÍTULO:

PRODUÇÃO, BIOQUÍMICA E ECOFISIOLOGIA DE TOMATEIROS EM FUNÇÃO DOS DIFERENTES TIPOS DE AMBIÊNCIA


PALAVRAS-CHAVES:

Solanum lycopersicum (L.), Cultivo protegido, Horticultura tropical, Alta temperatura.


PÁGINAS: 52
RESUMO:

O tomateiro é uma hortaliça fruto amplamente cultivada no mundo. O estado do Mato grosso possui grande potencialidade na exploração da tomaticultura, porém devido a fatores ambientais aliado a baixa tecnologia na sua produção ainda é incipiente. Uma alternativa para alavancar esse desenvolvimento seria o uso de cultivo protegido. Em sistema de cultivo protegido, um dos principais fatores que limita a produtividade são as elevadas temperaturas atingidas dentro do ambiente, sendo que a temperatura é fator limitante para o tomateiro cultivado nesse sistema, pois a temperatura ultrapassa os 30 °C.  É de grande importância a adoção de tecnologias que buscam a redução da carga térmica nos sistemas de cultivo protegido em regiões de clima tropical úmido. O presente estudo visa determinar o sistema de cultivo protegido que proporcione melhores condições de cultivo, sendo com cobertura de policarbonato, filme agrícola e ambiente não protegido determinado campo, e seus reflexos na produtividade e qualidade de cultivares de tomate tipo italiano em condições de altas temperaturas. O experimento foi conduzido em delineamento de blocos casualizados em esquema de parcelas subdivididas, sendo utilizado três ambientes na parcela e três híbridos na subparcela. Os ambientes foram, ambiente protegido com policarbonato (P), ambiente protegido com filme agrícola (FA) e campo (C), as cultivares foram DS00600, Trucker e Thaíse. O experimento contou com repetições das subparcela em cada ambiente. Os parâmetros avaliados foram variáveis produtivas, fisiológicas e qualitativas. As maiores produtividades foram alcançadas no ambiente P (Cobertura de Policarbonato), pelas cultivares Thaíse, Trucker e DS0060 (92,56, 88,22 e 75,32 t ha-1), com resposta similar em número de frutos comerciais. O ambiente P proporcionou maiores valores de produção comercial - PC (kg planta-1) com 3,90, seguidos dos ambientes FA e CA com médias de 3,58 e 3,24 respectivamente. Entre os cultivares avaliados houve diferença significativa para os ambientes. Não houve diferenciação para as variáveis fisiológicas. Conclui-se que os híbridos Thaíse e Trucker apresentaram melhores performances produtivas nos ambientes P e FA corroborando para um melhor padrão qualitativo e produtivo.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 117161002 - SANTINO SEABRA JUNIOR
Externo ao Programa - 203735002 - MONICA BARTIRA DA SILVA
Externo à Instituição - MÁRCIO ROGGIA ZANUZO - UFMT
Notícia cadastrada em: 07/04/2021 16:17
SIGAA | Tecnologia da Informação da Unemat - TIU - (65) 3221-0000 | Copyright © 2006-2022 - UNEMAT - sig-application-01.applications.sig.oraclevcn.com.srv1inst1