Banca de DEFESA: JESSICA TAMARA LAET ABREU

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JESSICA TAMARA LAET ABREU
DATA : 29/06/2020
HORA: 08:00
LOCAL: campus Universitario de Tangara
TÍTULO:

DIVERSIDADE GENÉTICA E BIOLOGIA REPRODUTIVA DE BASTÃO DE

IMPERADOR (Etlingera elatior) ZINGIBERACEAE


PALAVRAS-CHAVES:

Diversidade genética. Reprodução. Polinização.


PÁGINAS: 76
RESUMO:

As flores tropicais vêm despertando interesse comercial no Brasil em função da beleza, exotismo, variedade de cores e formas, resistência ao transporte, durabilidade e longevidade pós-colheita. No entanto, é necessário ampliar o conhecimento do potencial dessas plantas, pois existem muitas lacunas a respeito de seus sistemas de reprodução, produção, qualidade, produtividade e manejo pós-colheita. Nesse sentido, a finalidade deste estudo foi analisar a diversidade genética e a biologia reprodutiva de genótipos de Bastão de Imperador da espécie de Etlingera elatior. Com os objetivos de realizar a caracterização morfológica, diversidade genética, ciclos fenológicos, biologia floral, sistema reprodutivo e biologia dos polinizadores. As avaliações foram desenvolvidos a partir de genótipos do banco ativo de germoplasma de plantas tropicais ornamentais da Universidade do Estado de Mato Grosso, no município de Tangará da Serra, MT. Foram avaliados quatro cultivares de Etlingera elatior (vermelho, rosa, porcelana e branco) cultivados a pleno sol. O primeiro capítulo realizou se a  caracterização morfológica e divergência genética entre os anos de 2018 e 2019. As características morfológicas quantitativas com potencial ornamental e comercial foram: comprimento da haste da inflorescência (CHI), diâmetro (DI), e comprimento da inflorescência (CI). A cultivar Rosa obteve a maior inflorescência. A cultivar de Vermelho obteve as maiores peças florais. No segundo capítulo foi realizado estudo da biologia reprodutiva das quatro cultivares de Etlingera elatior. Os acessos apresentaram antese floral entre 06:00 a 20:00 hs., A cultivar bastão de imperador Rosa obteve a maior variação de angulação de movimento de estamesentre 30º a 60º. O pico de viabilidade polínica às 12:00 hs entre as cultivares,  a maior receptividade estigmática ocorreu apartir das 16:00 hs em 100% para as cultivares (Vermelho, Rosa e Porcelana) e  80% para cultivar (Branca). O volume médio de néctar produzido pelas cultivares, durante todo o período da antese foi de 18,8 ± 0, 42µL, com  média de concentração de açúcar de 7,95% ± 0,55 %. Analise do sistema reprodutivo resultou frutificação somente em polinização aberta. Os visitantes florais frequentes foram registrados, abelhas, borboletas e beija-flores em todas as cultivares de Etlingera elatior.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 131995001 - CELICE ALEXANDRE SILVA
Externo à Instituição - MARIA HELENA MENEZES CORDEIRO - UFV
Externo à Instituição - ANA PAULA S. CAETANO - UFMT
Notícia cadastrada em: 03/06/2020 13:25
SIGAA | Tecnologia da Informação da Unemat - TIU - (65) 3221-0000 | Copyright © 2006-2022 - UNEMAT - sig-application-04.applications.sig.oraclevcn.com.srv4inst1