Dissertações/Teses

2022
Dissertações
1
  • MELCA JULIANA PEIXOTO RONDON
  • CONSERVAÇÃO ON FARM DA MANDIOCA, CUIABÁ, MATO GROSSO: ASPECTOS ETNOBOTANICOS E DIVERSIDADE GENÉTICA

     

  • Data: 28/01/2022

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa tem por objetivo a análise da conservação on farm da mandioca praticada por uma comunidade da região da Baixada Cuiabana, estado do Mato Grosso, sob os aspectos etnobotânicos e molecular, mediante o estudo da diversidade genética do acervo por eles mantidos. As culturas de raízes e tubérculos originárias das regiões tropicais têm papel importante na agricultura de pequena escala brasileira, especialmente a mandioca. Na Baixada Cuiabana, existe uma forte característica que os agricultores tradicionais têm em comum, que é a dedicação à produção de mandioca, possuindo um aprofundado conhecimento sobre o manejo das etnovariedades, a produção e o seu beneficiamento. Os agricultores foram entrevistados sobre aspectos etnobotanicos das mandiocas, aplicando um questionário com perguntas abertas quanto às características de cada etnovariedade mantida pelo agricultor, aspectos morfológicos e fisiológicos, e modo de aquisição da rama. As folhas coletadas para as caracterizações moleculares com microssatélites fluorescentes. Os tecidos foliares das etnovariedades de mandioca por eles mantidas foram inseridas em tubos de polipropileno de 2,0 mL com tampão de carga (contendo 1 mL de solução saturada de NaCL-CTAB, 70g de NaCL, 3g de CTAB dissolvido em 200 mL de água destilada). Em seguida o material foi identificado e encaminhado para o para o Laboratório de Fitoquímica da Embrapa Agrossilvipastoril, Sinop-MT, e armazenado em freezer a -4ºC até a extração do DNA. Para a analise das diversidades genéticas das etnovariedades de mandioca foi estimada através das frequências alélicas, número de alelos por loco (A), heterozigosidade esperada (He) e observada (Ho), índice de fixação dos alelos (f) e porcentagem de locos polimórficos (%P) por meio do programa GDA – Genetic Data Analysis.A média para a heterozigosidade esperada (He) e observada (Ho) destaca-se com valores significativos, 0,67 e 0,72, respectivamente, sendo que a heterozigosidade observada se apresentou superior ao esperado em nove dos 15 locus analisados. As práticas etnobotanicas dos agricultores contribuíram para a elevada diversidade genética encontrada no acervo. Existem alelos raros dentro da população avaliada, o que reforça a importância de se manter e ampliar a conservação on farm/ in situ desses acervos a fim de deter a erosão genética. A etnovariedade matrinxã se destacou por ser a mais divergente dentre o acervo.


  • Mostrar Abstract
  • This research aims to analyze the on-farm conservation of cassava practiced by a community in the Baixada Cuiabana region, state of Mato Grosso, under the ethnobotanical and molecular aspects, through the study of the genetic diversity of the collection they maintain. Root and tuber cultures originating in tropical regions play an important role in Brazilian small-scale agriculture, especially cassava. In the Baixada Cuiabana region, there is a strong characteristic that traditional farmers have in common, which is their dedication to the production of cassava, with in-depth knowledge about the management of ethnovariety, production and processing. Farmers were interviewed about ethnobotanical aspects of cassava, applying a questionnaire with open questions regarding the characteristics of each ethnovariety maintained by the farmer, morphological and physiological aspects, and how the vine was acquired. The collected sheets for molecular characterizations with fluorescent microsatellites. The leaf tissues of the cassava species they maintained were inserted into 2.0 mL polypropylene tubes with loading buffer (containing 1 mL of saturated NaCL-CTAB solution, 70g of NaCL, 3g of CTAB dissolved in 200 mL of water distilled). Then, the material was identified and sent to the Phytochemical Laboratory of Embrapa Agrossilvipastoril, Sinop-MT, and stored in a freezer at -4ºC until DNA extraction. To analyze the genetic diversity of cassava ethnovarities, allele frequencies, number of alleles per locus (A), expected (He) and observed (Ho) heterozygosity, allele fixation index (f) and percentage of polymorphic loci were estimated. (%P) through the GDA program - Genetic Data Analysis. The mean for expected (He) and observed (Ho) heterozygosity stands out with significant values, 0.67 and 0.72, respectively, with observed heterozygosity was higher than expected in nine of the 15 loci analyzed. Farmers' ethnobotanical practices contributed to the high genetic diversity found in the collection. There are rare alleles within the evaluated population, which reinforces the importance of maintaining and expanding the on farm/in situ conservation of these collections in order to stop genetic erosion. The matrinxã ethnovarity stood out for being the most divergent among the collection.
2
  • LUÍS AUGUSTO MAGALHÃES ANTONIACOMI
  • Cultivo hidropônico de girassol de corte em solução nutritiva refrigerada. 

  • Orientador : PETTERSON BAPTISTA DA LUZ
  • Data: 21/02/2022

  • Mostrar Resumo
  • O cultivo hidropônico fornece uma série de benefícios, tais como redução de tempo de produção, padronização de plantas e economia de água e nutrientes. Um dos principais empecilhos para a produção hidropônica em climas quentes é a temperatura da solução, o que pode afetar a absorção de nutrientes pela planta, além disso, o cultivo hidropônico de Girassol para flor de corte não é usual, carecendo de trabalhos na área. O objetivo do presente trabalho foi determinar a temperatura ideal da solução nutritiva, assim como a influência do fator adensamento de plantas, para cultivo hidropônico, em sistema N.F.T., da cultivar “Girassol de Jardim Amarelo Alto”, ISLA®. O experimento foi instalado em casa de vegetação, com sombreamento de 70%, na Universidade do Estado de Mato Grosso, campus Cáceres. O delineamento experimental foi o inteiramente casualisado, contendo 4 tratamentos (temperaturas de solução nutritiva de 20°C, 25ºC, 30ºC e temperatura não controlada), 3 repetições, contendo 7 plantas por parcela, em 2 adensamentos (15 plantas/m² e 30 plantas/m²). As plantas foram dispostas em canaletas de PVC de 75 mm, em furos de 40 mm. O fornecimento de solução se deu de forma intermitente (15 minutos ligado, 15 minutos desligado), com fluxo de 0,5 l/h. A solução nutritiva adotada foi a padrão de cultivo da fabricante Hidrogood®. Os dados ambientais, e temperatura das soluções nutritivas, foram monitorados e armazenados em um datalogger Arduino. As variáveis analisadas foram: altura de planta; diâmetros da haste, diâmetro interno, e externo da flor; número de folhas, número de botões e flores; massas seca e fresca de raiz, massas seca e fresca da parte aérea e ciclo de cultivo. Ao final os dados foram submetidos ao teste de análise de variância, no software estatístico Sisvar. Para os tratamentos térmicos, a análise de variância não apresentou diferenças significativas entre os tratamentos, para o fator espaçamento foram verificadas diferenças estatísticas para as variáveis de diâmetro externo do capítulo; diâmetro interno do capítulo; diâmetro da haste; diâmetro do caule; massa fresca da parte aérea; massa fresca da haste; massa seca da parte aérea; massa seca da haste e massa seca da raiz, onde em todas essas variáveis, o plantio menos adensado, de 15 plantas/m², apresentou médias de características fisiológicas mais robustas e vistosas.

     

     

  • Mostrar Abstract
  • The glass of milk is a cut flower belonging to the Araceae family, originating from flooded regions of Africa, 
    with great economic potential, being produced mainly in cold climate regions, which provide a greater number 
    of quality flowers. Despite being a plant of great economic importance, it does not stand out in local production in 
    the state of Mato Grosso, given the adverse environmental conditions. Cultivation in hot climates is not impossible, 
    although it may become unfeasible, given the amount spent to acclimatize greenhouses and/or environments. 
    Another point that also makes the process more expensive is the automation system, in the case of hydroponic 
    systems, which also requires prior knowledge from the producer in its handling. Therefore, the present work will 
    aim at the production of commercial standard flowers, from milk cups, using for this the cultivation in a vertical 
    hydroponic system, with refrigeration of the nutrient solution, this entire system being controlled by the low-cost 
    automation platform Arduíno, in the experimental area of the State University of Mato Grosso “Carlos Alberto 
    Reyes Maldonado” (UNEMAT), Campus de Cáceres-MT.
3
  • CRISLEI FERREIRA ALVES
  • Identificação de fontes de resistência fisiológica a isolados de  alta variabilidade genética de Sclerotinia sclerotiorum em feijão comum

  • Orientador : LEONARDA GRILLO NEVES
  • Data: 24/02/2022

  • Mostrar Resumo
  • O feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) está entre as principais culturas produzidas no mundo, dada sua importância econômica, social e nutricional. Porém, diversos fatores causam instabilidade a cultura, dentre elas o mofo branco, doença causada pelo patógeno de solo Sclerotinia sclerotiorum (Lib.) de Bary. O objetivo deste trabalho foi identificar genótipos com resistência fisiólogica a isolados de alta variabilidade de S. sclerotiorum, para serem utilizados em programas de melhoramento genético de feijão comum.  O experimento foi conduzido em casa de vegetação, onde foram semeados 112 acessos, e quando as plâtulas apresentavam o primeiro trifólio completamente expandido, foram levadas ao Laboratório de Recursos Genéticos e Biotecnologia para as inoculações com os isolados do patógeno (S.s 486, S.s 463 e S.s 597), o delineamento experimental foi blocos ao acaso e 6 repetições. Para a identificação de resistência foi utilizada a metodologia proposta por Arkwazee e Myers através da atribuição de notas, área abaixo da curva de progresso da doença e relação doença/planta. Houve diferença significativas entre as médias dos genótipos (p≤0,01). Os genótipos BGF 26, BGF 30, BGF 155, BGF 197, BGF 74, BGF 200, BGF 30, BGF 6, BGF 47 e BGF 105 se destacaram quanto à resistência fisiológica, apresentando os menores valores genotípicos para as características relacionadas a resistência a Sclerotinia sclerotiorum,  sendo estes considerados boas fontes de resistência a serem trabalhadas em programas de melhoramento genético do feijão comum.


  • Mostrar Abstract
  • Beans are among the main crops of greatest economic importance and the most produced in the Brazil. 
    One of the main problems that affect the culture are diseases, between the main one and the one that the 
    most significant loss is Fusarium wilt, caused by the Fusarium pathogen oxysporum f. sp. phaseoli, and its
    main control measure is the use of resistant cultivars. THE identification of sources of resistance and development 
    of resistant cultivars is one of the targets of plant genetic improvement. Thus, the objective of this work is to 
    identify SNPs markers associated with Fop resistance in common bean.
4
  • MIRIAN DA SILVA ALMICI
  • Diversidade genética de Carthamus tinctorius L. via algoritmo de Gower.

  • Orientador : MARCO ANTONIO APARECIDO BARELLI
  • Data: 25/02/2022

  • Mostrar Resumo
  • Em decorrência da grande demanda por espécies bioenergéticas em escala mundial, a cultura do cártamo vem se destacando como uma importante alternativa para produção de energia. O cártamo é uma oleaginosa com diversas aplicações, além de seu potencial bioenergético, tem alto valor para consumo humano, no ramo alimentar, industrial, ornamental, medicinal e consumo animal. Além disso, tem despertado interesse na agricultura nacional, pois se apresenta como uma opção para o cultivo de segunda safra, não competindo por área com culturas utilizadas na alimentação humana. No entanto, a ausência de conhecimentos técnicos em relação ao seu cultivo e a falta de cultivares melhoradas e adaptadas para o nosso ambiente é um dos motivos que impedem a expansão dessa cultura no país. Considerando que o melhoramento genético de cártamo é essencial para aumentar a sua aceitabilidade e utilidade como oleaginosa global, objetivou-se estimar a divergência genética entre acessos de cártamo quanto aos caracteres morfológicos, agronômicos, químicos e moleculares empregando o algoritmo de Gower. Foram avaliados 116 genótipos de da Coleção de Germoplasma do LRG&B – UNEMAT. As informações referentes a caracterização morfoagronômica, química e molecular, foram obtidas por meio de experimento a campo e laboratório realizadas na Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT), Empresa Mato-Grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (EMPAER) e Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT). Para a análise dos dados realizou-se uma análise conjunta dos dados, em que o Algoritmo de Gower foi utilizado para a confecção da matriz de dissimilaridade. A matriz resultante foi submetida a diferentes agrupamentos, sendo estes os métodos de agrupamento de Otimização de Tocher, Hierárquico do UPGMA e Ward-MLM. Os métodos de agrupamentos aplicados foram eficientes na distinção dos acessos e os resultados apontam a existência de divergência genética entre os genótipos de cártamo. Os genótipos PI 193473, PI 195895, PI 237539, PI 262443, PI 279344, PI 401474, PI 401475, PI 406006, PI 537658, PI 544028, PI 532639, PI 568787, PI 613382, PI 613503, PI 638543 foram os mais divergentes geneticamente, sendo indicados para possíveis cruzamentos.


  • Mostrar Abstract
  • Due to the great demand for bioenergetic species on a world scale, the safflower crop has been highlighted as an important alternative for energy production. Safflower is an oilseed with several applications, in addition to its bioenergetic potential, it has high value for human consumption, in the food, industrial, ornamental, medicinal and animal consumption sectors. In addition, it has aroused interest in national agriculture, as it presents itself as an option for second crop cultivation, not competing for area with crops used for human consumption. However, the lack of technical knowledge regarding its cultivation and the lack of improved cultivars adapted to our environment is one of the reasons that prevent the expansion of this culture in the country. Considering that safflower genetic improvement is essential to increase its acceptability and utility as a global oilseed, the objective was to estimate the genetic divergence between safflower accessions in terms of morphological, agronomic, chemical and molecular characters using the Gower algorithm. A total of 116 genotypes from the LRG&B - UNEMAT Germplasm Collection were evaluated. The information regarding the morphoagronomic, chemical and molecular characterization was obtained through field and laboratory experiments carried out at the State University of Mato Grosso (UNEMAT), Mato-Grossense Company for Research, Assistance and Rural Extension (EMPAER) and Instituto Federal of Mato Grosso (IFMT). For data analysis, a joint analysis of the data was performed, in which the Gower Algorithm was used to create the dissimilarity matrix. The resulting matrix was submitted to different clusters, such as the Tocher Optimization, Hierarchical UPGMA and Ward-MLM clustering methods. The clustering methods applied were efficient in distinguishing the accessions and the results indicate the existence of genetic divergence between the safflower genotypes. Pi 193473, pi 195895, pi 237539, pi 262443, pi 279344, pi 401474, pi 401475, pi 401475, pi 406006, pi 537658, pi 544028, pi 532639, pi 568787, pi 568787, pi 613382, pi 613382, pi 613503, pi 638543 were the most divergent genetically, being indicated for possible crosses.

5
  • ANA PAULA RODRIGUES DA SILVA
  • Morfometria cromossômica de Catasetum saccatum Lindl. x Catasetum saccatum mutante

  • Orientador : ISANE VERA KARSBURG
  • Data: 28/02/2022

  • Mostrar Resumo
  • O gênero Catasetum é formado pelas espécies que pertencem ao grupo Cymbidieae, muitas destas espécies são terrestres, o gênero é o que mais desperta interesses em botânicos, em razão de sua adaptação admirável e ao trimorfismo em suas flores. Estudos relacionados ao número cromossômico para este gênero apontam uma grande variação cromossomica, direcionando a hibridação como um dos responsaveis pelo aumento da diversidade, fato este que pode ser comumente utlizado para buscar caracteristicas consideradas de maior aceitação. Diante disso, este trabalho tem como objetivo, realizar a caracterização cromossômica do Catasetum saccatum x Catasetum saccatum mutante, a partir da análise da morfometria cromossômica para contribuir nos estudos botânicos, evolutivos e de melhoramento genético. A variabilidade cariológica dessas plantas gera resultados que podem apresentar possíveis diferenças das espécies a partir dos cromossomos. O estudo foi conduzido no Laboratório de Citogenética e Cultura de Tecidos Vegetais da Universidade do Estado de Mato Grosso “Carlos Alberto Reyes Maldonado” (UNEMAT) Campus de Alta Floresta - MT, utilizando-se explantes de Catasetum Saccatum x Catasetum saccatum mutante cultivados no Orquidário Alta florestense da mesma unidade. Para o bloqueio celular os meristemas radiculares foram submetidos ao bloqueio em amiprofós-metil (APM) 3 μM durante 15 horas, posteriormente as raízes foram fixadas em metanol:ácido acético (3:1) de solução. Para o preparo das lâminas, os meristemas tratados foram lavados para retirar o excesso de bloqueador após isto as raízes foram expostas a digestão enzimática composta por três enzimas em banho maria de 36° C, por 1:30 hrs para posteriormente ser realizado a coloração das lâminas, estas foram coradas com solução de Giemsa 5% (Merck KGaA). As observações foram realizadas utilizando Microscópio, e mensuradas através do programa MicroMeasure versão 3.3 (MM). Perante as análises da morfometria cromossômica observamos que a espécie C. Saccatum possui um total de 54 cromossomos, e a espécie de C. saccatum mutante além das características observadas visivelmente nas flores, possui uma deleção cromossômica no par 2, sendo a perda do satélite em um dos cromossomos, causando o surgimento de 3 estruturas masculinas na planta. Sendo assim a citogenética clássica se faz de extrema necessidade na análise das mutações ocorrentes em espécies.  


  • Mostrar Abstract
  • The genus Catasetum is formed by the species that belong to the Cymbidieae group, many of these species are terrestrial, the genus is the one that most arouses interest in botanists, due to its admirable adaptation and the trimorphism in its flowers. Studies related to the chromosome number for this genus point to a large chromosomal variation, directing hybridization as one of the responsible for the increase in diversity, a fact that can be commonly used to seek characteristics considered to be of greater acceptance. Therefore, this work aims to perform the chromosomal characterization of Catasetum saccatum x Catasetum saccatum mutant, from the analysis of chromosomal morphometry to contribute to botanical, evolutionary and genetic improvement studies. The cariological variability of these plants generates results that may present possible differences between the species based on the chromosomes. The study was carried out at the Laboratory of Cytogenetics and Plant Tissue Culture of the University of the State of Mato Grosso “Carlos Alberto Reyes Maldonado” (UNEMAT) Campus of Alta Floresta - MT, using explants of Catasetum saccatum x Catasetum saccatum mutante cultivated in the Alta Floresta Orquidário. Florestense of the same unit. For cell blockage, root meristems were blocked in 3 μM amiprophos-methyl (APM) for 15 hours, then the roots were fixed in methanol:acetic acid (3:1) solution. To prepare the slides, the treated meristems were washed to remove excess blocker, after which the roots were exposed to enzymatic digestion composed of three enzymes in a water bath at 36°C, for 1:30 hours, for later staining of the slides. slides were stained with 5% Giemsa solution (Merck KGaA). Observations were performed using a Microscope, and measured using the MicroMeasure program version 3.3 (MM). In view of the chromosomal morphometric analysis, we observed that the C. saccatum species has a total of 54 chromosomes, and the mutant C. saccatum species, in addition to the characteristics visibly observed in the flowers, has a chromosomal deletion in pair 2, with the loss of the satellite in one of the chromosomes, causing the appearance of 3 male structures in the plant. Thus, classical cytogenetics is extremely necessary in the analysis of mutations occurring in species.

6
  • HEITOR ANTONIO DA SILVA
  • PARAMETROS GENÉTICOS DA RESISTÊNCIA DO FEIJÃO COMUM AO FITOPATÓGENO CAUSADOR DO MOFO BRANCO

  • Orientador : THIAGO ALEXANDRE SANTANA GILIO
  • Data: 28/02/2022

  • Mostrar Resumo
  • O feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) é uma leguminosa com grande importância na alimentação humana para todas as classes sociais, especialmente para os mais carentes, devido ao seu baixo custo e grandes qualidades nutritivas e grande importância econômica e social, sendo o seu cultivo acometido por diversos fatores bióticos e abióticos que diminuem a produtividade e encarecem o produto ao consumidor final. Entre os principais agentes patogênicos, a Sclerotinia sclerotiorum Lib. de (Bary), fitopatógeno causador do mofo branco destaca-se pela sua ampla disseminação, potencial danos a lavoura e estruturas de resistência. Este trabalho teve como objetivo determinar os fatores genéticos que compõem a resistência fisiológica do feijoeiro comum ao fitopatógeno causador do mofo branco. Foram obtidos os cruzamentos entre genótipos de feijão comum BGF 13 X BGF 89, BGF 20 X PI 207262 e BGF 20 X BRS FC 402, contrastantes quanto a resistência ao mofo branco previamente selecionados e de pools gênicos de origem diferentes, obtendo-se a geração F1 e geração segregante F2. As plantas resultantes em F2 foram inoculadas com um isolado do fitopatógeno causador do mofo branco pelo método “seedling straw test” (teste do canudo em plântulas) e as variáveis nota ao 5° dia, Área Abaixo da Curva de Progresso da Doença (AACPD) e Relação Doença Planta (RDP) foram usadas para determinar a variância ambiental, variância genotípica, variância fenotípica, herdabilidade no sentido amplo e número de genes através do teste de escala conjunta realizada no software estatístico genes. A variância ambiental representou, no geral, grande parte da variância fenotípica, indicando que a característica resistência ao mofo branco é moderada a altamente influenciável pelo ambiente em acordo com o já relatada em estudos anteriores.  A variância genotípica foi expressiva apenas para a variável RDP nos cruzamentos entre BGF 13 X BGF 89 e BGF 20 X PI 207262, moderadamente expressiva para variável Nota ao 5° dia e AACPD para o BGF 20 X PI 207262. A geração segregante F2 apresentou indivíduos com resistência e susceptíveis, indicando a eficiência da determinação dos indivíduos resistente pelo método do canudo em plântulas e a natureza poligênica da resistência ao mofo branco. A herdabilidade no sentido amplo foi moderada a alta para a resistência ao mofo branco. A estimativa indicou o número igual ou maior a 2 genes na expressão da resistência ao mofo branco, indicando a ação de poligenes na determinação da resistência ao mofo branco.


  • Mostrar Abstract
  • Common bean (Phaseolus vulgaris L.) is a legume with great importance in human food for all social classes, especially for the poorest, due to its low cost and great nutritional qualities and great economic and social importance, being its cultivation affected by several biotic and abiotic factors that reduce productivity and make the product more expensive for the final consumer. Among the main pathogens, Sclerotinia sclerotiorum Lib. de (Bary), the phytopathogen that causes white mold, stands out for its wide dissemination, potential damage to crops and resistance structures. This work aimed to determine the genetic factors that make up the physiological resistance of common bean to the phytopathogen that causes white mold. Crosses between common bean genotypes BGF 13 X BGF 89, BGF 20 X PI 207262 and BGF 20 X BRS FC 402, contrasting in terms of resistance to white mold previously selected and from different gene pools, were obtained, obtaining the generation F1 and F2 segregating generation. The resulting plants in F2 were inoculated with an isolate of the phytopathogen that causes white mold by the “seedling straw test” method (seedling straw test) and the variables noted at day 5, Area Below the Disease Progress Curve (AACPD) and Plant Disease Ratio (RDP) were used to determine environmental variance, genotypic variance, phenotypic variance, broad-sense heritability and number of genes through the joint scale test performed in the genes statistical software. The environmental variance represented, in general, a large part of the phenotypic variance, indicating that the characteristic white mold resistance is moderate to highly influenced by the environment, in agreement with what has already been reported in previous studies. The genotypic variance was expressive only for the variable RDP in the crosses between BGF 13 X BGF 89 and BGF 20 X PI 207262, moderately expressive for the variable Grade at 5th day and AACPD for the BGF 20 X PI 207262. The segregating generation F2 presented individuals with resistance and susceptible, indicating the efficiency of determination of resistant individuals by the straw method in seedlings and the polygenic nature of resistance to white mold. Broad sense heritability was moderate to high for white mold resistance. The estimate indicated the number equal to or greater than 2 genes in the expression of resistance to white mold, indicating the action of polygenes in the determination of resistance to white mold.

2021
Dissertações
1
  • FERNANDA LOPES PORTO
  • ADPTABILIDADE E ESTABILIDADE DE GENÓTIPOS DE SORGO SACARINO

  • Data: 11/01/2021

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho teve como objetivo verificar a presença da interação genótipo x ambiente em genótipos de sorgo sacarino em diferentes regiões, bem como identificar os materiais mais produtivos. Para isso os ensaios foram conduzidos em blocos ao acaso com três repetições, sendo avaliados 21 híbridos experimentais e 4 variedades, destas, 2 comerciais, do Programa de Melhoramento da Embrapa Milho e Sorgo. Os experimentos ocorreram em três locais (Sete Lagoas-MG, Sinop-MT e Jaguariúna-SP), nos períodos de primeira safra 2018/2019 e segunda safra 2019. As seguintes características foram avaliadas: florescimento (FLOR), produção de massa verde (PMV), sólidos solúveis totais (SST) e tonelada de brix por hectare (TBH). Foram realizadas as análises de variância individuais, por ambiente, e conjunta, e em seguida, as médias dos genótipos foram agrupadas pelo teste de Scott-Knott (P<0,05). Adicionalmente, estudos de adaptabilidade e estabilidade e comparação dos  modelos Annicchiarico (1992) e GGE biplot (YAN et al., 2000) foram realizados. Constataram-se ocorrências de interação genótipo x ambiente para todas as características estudadas. Destacam-se entre os resultados que os híbridos 5, 6, 20 e 21 foram os mais precoces e os 14, 17 e 18 os mais produtivos. No estudo de adaptabilidade e estabilidade o modelo GGE biplot foi mais eficiente, apresentando os híbridos 18 e 16 como os genótipos mais adaptados.


  • Mostrar Abstract
  • This study aimed to verify the presence of genotype x environment interaction in sweet sorghum genotypes in different regions, as well as to identify the most productive materials. For this, the assays were conducted in randomized blocks with three replications, and 21 experimental hybrids and 4 varieties, of these, 2 commercial, of the Embrapa Maize and Sorghum Breeding Program were evaluated. The experiments took place in three locations (Sete Lagoas-MG, Sinop-MT and Jaguariúna-SP), in the periods of first harvest 2018/2019 and second harvest 2019. The following characteristics were evaluated: flowering (FLOR), green mass production (PMV), total soluble solids (SST) and ton of brix per hectare (TBH). Individual variance analyses were performed by environment and together, and then the genotype means were grouped by the Scott-Knott test (P<0.05). Additionally, studies of adaptability and stability and comparison of the Annicchiarico (1992) and GGE biplot (YAN et al., 2000) models were conducted. Occurrences of genotype x environment interaction were observed for all studied characteristics. Among the results, the hybrids 5, 6, 20 and 21 were the earliest and the 14, 17 and 18 were the most productive. In the study of adaptability and stability, the GGE biplot model was more efficient, presenting hybrids 18 and 16 as the most adapted genotypes.

2
  • LEONICIA GOULART DE OLIVEIRA SILVA
  • Agrobiodiversidade de assentamentos na Amazônia matogrossense; caracterização da fenologia e fisico-quimica dos frutos de quiabo-de-metro (Trichosanthes cucumerina)

  • Data: 26/01/2021

  • Mostrar Resumo
  • A agrobiodiversidade é a parte agrícola da biodiversidade, constituido por um conjunto de espécies de acordo com o interesse das pessoas, decorrente da relação do ser humano com a natureza. Este estudo teve como objetivo mapear a agrobiodiversidade de 40 quintais de assentamentos de Nova Guarita, Mato Grosso,  e calcular a diversidade de espécies e classifica-las mediante consulta bibliográfica em familias botânicas e origem; bem como caracterizar a fenologia do quiabo-de-metro com a escala de Fournier,  caracterizar a biometria dos frutos e sementes e determinar os constituintes funcionais da polpa dos frutos.Quanto a agrobiodiversidade, dos 40 informantes, 30 eram do sexo feminino e 10 do sexo masculino, com faixa etária entre 20 e 70 anos, sendo a maioria  oriundos da região Centro-Oeste (37,5%). Foram identificadas 134 espécies (média de 59,1) das quais 63% das plantas  estão no quintais, 17,93% as roças, 2,03 % espécies nas matas. O Índices de Shannon obteve a media 1,72. Das espécies observadas, 67% são  exóticas e 33% nativas. No total, 47 famílias botanicas foram identificadas, com predominancia das Cucurbitaceae (12). Quanto à fenologia do quiabo-de-metro (plantio ocorreu em XXX), e os maiores picos de botões florais e flores em antese foram nos meses de junho (80%) e julho (94%).  As menores intensidades foram nos meses de maio (33%) e agosto (22%). A intensidade frutificação foi gradativa, junho, julho e agosto foi de 72%, 80%, 70%, respectivamente. A maior intensidade de frutos maduros foi no mês de agosto (94%). As média biométricas dos frutos foram comprimento (86,11 cm), e das sementes (XX). O teor de constituintes funcionais foram: 0,50 a 0,60 ºBrix (frutos maduros) e 0,40 (imaturos). Referente a Acidez (TTA) foi de (1,28 e 1,41 mg/100g) e  para frutos maduros (1,97 e 2,259 mg/100g). O teor médio de licopeno foi de 1,057(mg/100g) para frutos maduros e 0,089 para imaturos. A atividade antioxidante fenólica apresenta boa concentração, e o  teor de vitamina C variou entre o minimo 12,11  e 18,16mg/100ml. A diversidade das espécies mantidas pelos assentamentos estudados é considerado elevado, e possui importancia na segurança alimentar e economica. A maioria das espécies estão nos quintais e a Curcubitacea é a principal familia botanica. A fenologia do quiabo-de-metro indica que os frutos possuem maturação gradativa, sendo um boa característica visado o consumo e venda. 


  • Mostrar Abstract
  • Agrobiodiversity is the agricultural part of biodiversity, made up of a set of species according to the interests of people, resulting from the relationship between human beings and nature. This study aimed to map the agrobiodiversity of 40 homegardens in Nova Guarita, Mato Grosso, and calculate the diversity of species and classify them through bibliographic consultation in botanical families and origin; as well as characterize the phenology of Trichosanthes cucumerina the Fournier scale, characterize the biometry of fruits and seeds and determine the functional constituents of the fruit pulp. As for agrobiodiversity, of the 40 informants, 30 were female and 10 were male, aged between 20 and 70 years old, most of them from the Midwest region (37.5%). 134 species (average of 59.1) were identified, of which 63% of the plants are in the homegardens, 17.93% in the gardens, 2.03% species in the forests. The Shannon Indices averaged 1.72. Of the species observed, 67% are exotic and 33% are native. In total, 47 botanical families were identified, with a predominance of Cucurbitaceae (12). As for the phenology of metro Trichosanthes cucumerina and the biggest peaks of flower buds and anthesis flowers were in the months of June (80%) and July (94%). The lowest intensities were in the months of May (33%) and August (22%). The fruiting intensity was gradual, June, July and August was 72%, 80%, 70%, respectively. The highest intensity of ripe fruits was in the month of August (94%). The biometric means of the fruits were length (86.11 cm), and of the seeds (XX). The content of functional constituents were: 0.50 to 0.60 ºBrix (ripe fruits) and 0.40 (immature). Regarding Acidity (TTA) was (1.28 and 1.41 mg / 100g) and for ripe fruits (1.97 and 2.259 mg / 100g). The average lycopene content was 1.057 (mg / 100g) for ripe fruits and 0.089 for immature fruits. The phenolic antioxidant activity has a good concentration, and the vitamin C content varied between a minimum of 12.11 and 18.16mg / 100ml. The diversity of species maintained by the studied settlements is considered high, and is important for food and economic security. Most species are in homegardens and Curcubitacea is the main botanical family. The phenology of Trichosanthes cucumerina indicates that the fruits have gradual ripening, being a good characteristic aimed at consumption and sale. 

3
  • JEFERSON GONÇALVES DE JESUS
  • Variabilidade genética de isolados de Ceratocystis fimbriata

  • Orientador : LEONARDA GRILLO NEVES
  • Data: 27/01/2021

  • Mostrar Resumo
  • No setor florestal o acometimento por pragas e doenças podem ocorrer principalmente via irrigação, tratos culturais, falta de cuidados fitossanitários com as ferramentas, material propagativo contaminado, e outros, dentre as doenças que ocorrem com mais frequência em teca, vale ressaltar a causada pelo gênero Ceratocystis que causa perca na produtividade e qualidade da madeira. Para a prevenção ou manejo de doenças em plantas, estudos quanto a variabilidade genética da população do agente causal torna-se de extrema importância, sendo assim o objetivo com esse trabalho foi investigar a diversidade genética de isolados de Ceratocystis fimbriata provenientes de teca, utilizando-se marcadores microssatélites. Foram obtidos 70 isolados do fungo a partir de coletas nos estados do MT e PA. O fungo foi cultivado em meio MYEA por cerca de 14 dias para posterior extração de DNA, esta foi realizada utilizando o kit Wizard® Genomic DNA Purification Kit (Promega), produtos oriundos desta extração foram submetidos à etapa de PCR , onde para cada amostra utilizou-se aproximadamente 25 ng de DNA total (5 μL), 2,5 μL de tampão de PCR 10x, 0,75μL de MgCl2 a 50mM, 0,31μL de dNTP a 20 mM, 1,25U de taq polimerase, 2,5 μL de cada primer e 13,68 μL H2O ultrapura q.s.p. Posterior a PCR, foi realizada a eletroforese em gel de agarose 2,5%, para a produção das imagens dos géis para  14 locos de microssatélites.  As imagens dos géis com os fragmentos de DNA, amplificados e separados, foram submetidas à verificação de pesos moleculares para obtenção dos dados sobre os alelos, e com estes e os parâmetros de diversidade genética e estrutura populacional foram elaborados. Foi possível separar os isolados em quatro grupos distintos, sendo o último contendo mais de 50% dos isolados.


  • Mostrar Abstract
  • In the forestry sector, the attack by pests and diseases can occur mainly via irrigation, cultural treatments, lack of phytosanitary care with tools, contaminated propagating material, and others, among the diseases that occur most frequently in teak, it is worth mentioning that caused by gender Ceratocystis that causes loss in wood productivity and quality. For the prevention or management of diseases in plants, studies on the genetic variability of the population of the causal agent become extremely important, so the objective of this work was to investigate the genetic diversity of Ceratocystis fimbriata isolates from teak, using microsatellite markers. 70 isolates of the fungus were obtained from collections in the states of MT and PA. The fungus was grown in MYEA medium for about 14 days for subsequent DNA extraction, it was performed using the Wizard® Genomic DNA Purification Kit (Promega), products from this extraction were submitted to the PCR step, where for each sample used approximately 25 ng total DNA (5 μL), 2.5 μL of 10x PCR buffer, 0.75 μL of 50 mM MgCl2, 0.31 μL of 20 mM dNTP, 1.25U of taq polymerase, 2.5 μL of each primer and 13.68 μL H2O ultrapure qsp After PCR, 2.5% agarose gel electrophoresis was performed to produce the gel images for 14 microsatellite loci. The images of the gels with the DNA fragments, amplified and separated, were subjected to the verification of molecular weights to obtain data on the alleles, and with these and the parameters of genetic diversity and population structure were elaborated. It was possible to separate the isolates into four distinct groups, the last containing more than 50% of the isolates.

4
  • ALTACIS JUNIOR DE OLIVEIRA
  • VARIABILIDADE GENÉTICA DE Carthamus tinctorius L. VIA MARCADORES MICROSATÉLITES.

  • Orientador : MARCO ANTONIO APARECIDO BARELLI
  • Data: 28/01/2021

  • Mostrar Resumo
  • A cultura do cártamo (Carthamus tinctorius L.) é uma das mais antigas do mundo, sendo considerada uma oleaginosa pertencente à família Asteraceae, cuja matéria-prima é destinada para diversos fins como na produção de lubrificantes, biocombustíveis, sabões, vernizes, óleo de cozinha e ração para animais. A cultura do cártamo é uma oleaginosa muito relevante, tem atraído a atenção de pesquisadores e indústrias por possuir alta qualidade e quantidade de óleo, sendo importante a realização de estudos, principalmente no melhoramento genético, que auxilia na seleção de genótipos superiores. Neste contexto, a avaliação da variabilidade genética com o uso de marcadores é primordial para exploração dos recursos genéticos em programas de melhoramento de plantas. Diante disso, o presente trabalho objetivou-se estimar a variabilidade genética de 121 genótipos de cártamo via 21 marcadores moleculares SSR da coleção de Germoplasma do Laboratório de Recursos Genéticos & Biotecnologia (LRG&B) da Universidade Estadual de Mato Grosso “Carlos Alberto Reyes Maldonado” (UNEMAT), Campus de Cáceres-MT. O estudo foi conduzido no laboratório e na casa de vegetação do LRG&B com umidade e temperatura controlada. Foram avaliados 121 genótipos de cártamo, sendo que 11 não foram utilizados, devido serem de populações contendo apenas um genótipo evitando assim a superestimação destas informações para estes indivíduos, logo, as análises foram feitas com 110 genótipos provenientes de dez populações distintas. A diversidade genética dos 121 genótipos de cártamo foi estimada por meio de número de alelos, heterozigosidade média observada (Ho), heterozigosidade média esperada (He) e coeficiente de endogamia (F). O número de alelos detectados entre os genótipos considerando os 21 loci foi de 158, variando de seis (CT6, CT12, CT13 e CT19) a 11 (CT26), com média de 8 alelos por locus.  A He pode ser considerada alta, variando de 0,551 a 0,80, com média de 0,71, já a Ho foi baixa, variando de 0,00 a 0,50, com média 0,03. Os resultados F foram positivos em todos os locus e em todas as populações, possuindo uma média geral de 0,95. Os valores de F altos e positivos são em decorrência dos níveis de He em relação à Ho, tanto para cada loco tanto em cada população, indicando um provável processo de endogamia.


  • Mostrar Abstract
  • The safflower culture (Carthamus tinctorius L.) is one of the oldest in the world, being considered an oleaginous belonging to the Asteraceae family, whose raw material is destined for various purposes such as the production of lubricants, biofuels, soaps, varnishes, cooking oil and animal feed. The safflower culture is a very relevant oleaginous, it has attracted the attention of researchers and industries for having high quality and quantity of oil, being important the accomplishment of studies, mainly in the genetic improvement, that helps in the selection of superior genotypes. In this context, the evaluation of genetic variability with the use of markers is essential for the exploitation of genetic resources in plant breeding programs. Therefore, this work aimed to estimate the genetic variability of 121 safflower genotypes via 21 SSR molecular markers from the Genetic Resources & Biotechnology Laboratory (LRG&B) of the State University of Mato Grosso "Carlos Alberto Reyes Maldonado" (UNEMAT), Campus of Cáceres-MT. The study was conducted in the laboratory and in the vegetation house of LRG&B with controlled humidity and temperature. 121 safflower genotypes were evaluated, 11 of which were not used because they were from populations containing only one genotype, thus avoiding the overestimation of this information for these individuals, so the analyses were made with 110 genotypes from ten different populations. The genetic diversity of the 121 safflower genotypes was estimated by means of number of alleles, mean heterozygosity observed (Ho), mean heterozygosity expected (He) and inbreeding coefficient (F). The number of alleles detected among the genotypes considering the 21 loci was 158, ranging from six (CT6, CT12, CT13 and CT19) to 11 (CT26), with a mean of 8 alleles per locus.  The He can be considered high, ranging from 0.551 to 0.80, with an average of 0.71, while the Ho was low, ranging from 0.00 to 0.50, with an average of 0.03. F results were positive in all locus and in all populations, with a general average of 0.95. The high and positive F values are due to He levels in relation to Ho, both for each locus and in each population, indicating a probable inbreeding process.

5
  • GIVANILDO RODRIGUES DA SILVA
  • Seleção de genitores e mapeamento associativo da resistência fisiológica do feijão comum ao mofo branco. 

  • Orientador : THIAGO ALEXANDRE SANTANA GILIO
  • Data: 28/01/2021

  • Mostrar Resumo
  •  O feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) é cultivado mundialmente e um dos problemas fitossanitários que comprometem a qualidade dos grãos e a produtividade é o patógeno Sclerotinia sclerotiorum (Lib.) de Bary, fungo causador do mofo branco. O objetivo do trabalho foi selecionar genótipos de feijão comum que apresentam reação de resistência fisiológica ao patógeno causador do mofo branco e identificar regiões genômicas associadas a essa característica. Para a seleção de genitores, avaliou-se a reação à doença em painel composto por 114 genótipos através do método de inoculação teste do canudo (TC) e teste do canudo em plântula (TCP) conduzido em casa de vegetação e condição de laboratório em delineamento de blocos ao acaso, as avaliações de notas ocorreram no 3º dia após inoculação (DAI), 5º e 7º DAI para TCP e 5º, 7º e 9º DAI para TC, transformando-as em índice de McKinney, considerou-se também a área abaixo da curva do progresso da doença. Os componentes de variâncias (REML) foram estimados e os valores genotípicos preditos (BLUP) obtidos a partir das notas. Os genótipos foram genotipados via GBS e obtidos, após MAF de 0,05, 28.823 SNPs de alta qualidade, utilizando-os para mapeamento associativo através dos modelos MLMM, FarmCPU e BLINK. As características avaliadas foram significativas (LRT ≥ 6,63), possibilitando a seleção de genótipos superiores. Assim, dado a natureza complexa da resistência fisiológica, selecionou-se os genótipos BL10, BL15, BL18 e BL95, indicados pelo ranqueamento por ambos os métodos utilizados, sugerindo alto nível de resistência fisiológica. Os SNPs associados significativamente com a característica de resistência fisiológica indicaram regiões nos cromossomos Pv02, Pv03, Pv09 e Pv10, sugerindo a presença de haplotipos dos QTLs já reportados WM2.2 BV, R31 e WM3.1AN, XC, AP além da anotação dos genes relacionados a resistência a estresses bióticos Phvul.002G023400Phvul.009G230200 e Phvul_009G232100, em regiões associdas, providenciando genes candidatos para estudos de validação.


  • Mostrar Abstract
  • Common beans (Phaseolus vulgaris L.) are grown worldwide and one of the phytosanitary problems that compromise grain quality and productivity is the pathogen Sclerotinia sclerotiorum (Lib.) de Bary, a fungus that causes white mold. The objective of the study was to select common bean genotypes with a physiological resistance reaction to the pathogen that causes white mold and to identify candidate genomic regions associated with this characteristic. For the selection of parents, the reaction to the disease was evaluated in a panel composed of 114 genotypes using the straw test and seedling straw test inoculation method. The genotypes were genotyped via GBS and obtained, after MAF of 0.05, 28,823 high quality SNPs, using them for associative mapping through the MLMM, FarmCPU and BLINK models. Given the complex nature of physiological resistance, genotypes BL10, BL15, BL18 and BL95 were selected, indicated by both methods used, suggesting a high level of physiological resistance. The regions associated with the physiological resistance characteristic were indicated on chromosomes Pv02, Pv03, Pv09 and Pv10, indicating the presence of the QTL already reported WM2.2 BV, R31 and WM3.1AN, XC, AP in addition to the annotation of genes related to resistance to biotic stresses Phvul.002G023400, Phvul.009G230200 and Phvul_009G232100, in the associated regions, providing candidate genes for validation studies.

6
  • CYNTIA BEATRIZ MAGALHÃES FARIAS
  • QUANTIFICAÇÃO DE DNA DE SEIS ESPÉCIES DO GÊNERO DE CATASETUM (ORCHIDACEAE)

  • Orientador : ISANE VERA KARSBURG
  • Data: 01/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • O gênero Catasetum pertence à família Orchidaceae o qual possui aproximadamente 300 espécies distribuidas por todo o território brasileiro, que vêm sendo gradativamente destruído por ação antrópica do homem. O conhecimento do genoma vegetal deste genero, é imprescindível pois auxilia nos esclareimento do comportamento genético das espécies pertencentes, pois exite grande variabilidade ocorente da hibridação natural entre estas espécies. E, sendo parte integrante da citogenética, tem sua contribuição fundamental em estudos evolutivos, taxonômicos e de melhoramento vegetal. Diante do exposto, o presente trabalho visou quantificar o DNA por citometria de fluxo seis  espécies pertencentes ao gênero Catasetum: C. atratum Lindl., C. albovirens  Barb.Rodr.,   C. joaquinianum  Campacci & G.F.Carr., C. hopkinsonianum  G.F.Carr & V.P.Castro., C. discolor Lindl., C. rooseveltianum Hoehne. que gera resultados que possam fornecer subsídio para caracterizar o gênero. Foram analisadas as quantidades de DNA por meio da citometria de fluxo das espécies citadas anteriormente . Para análise da citometria de fluxo foram utilizadas folhas jovens de plantas cultivadas no orquidário Altaflorestense das seis espécies. Com base nos dados obtidos por meio citometria de fluxo podemos inferir que o conteúdo de DNA divergiu para todas as espécies de Catasetuns estudas, entretanto o Catasetum discolor foi o que apresentou a maior quantidade de DNA de 9,71pg e o Catasetum rooseveltinianum  apresentou o menor valor de 6,06pg. 


  • Mostrar Abstract
  • The genus Catasetum belongs to the Orchidaceae family, which has approximately 300 species distributed throughout the Brazilian territory, which have been gradually destroyed by human anthropic action. The knowledge of the plant genome is of great importance for the characterization of the germplasm, and is essential for genetic improvement works, when crosses are programmed. And, being an integral part of cytogenetics, it has its fundamental contribution in evolutionary and taxonomic studies. In view of the above, the present study aimed to quantify the DNA by flow cytometry of the species mentioned above to generate results that can provide support to characterize the genus and that assist in research related to genetic improvement. The species C. atratum Lindl., C. albovirens Barb.Rodr., C. joaquinianum Campacci & G.F.Carr., C. hopkinsonianum G.F.Carr & V.P.Castro., C. discolor Lindl., C. rooseveltianum Hoehne. For cytometric analysis, young leaves of plants grown in the Altaflorestense nursery were used. Based on the data obtained through flow cytometry we can infer that the DNA content diverged for all species of Catasetuns studied, however Catasetum discolor was the one with the highest value of 9.711pg and Catasetum rooseveltinianum was the one with the lowest value of 6.063pg.

7
  • VERA LÚCIA SIMÕES ANDRE
  • DESEMPENHO AGRONÔMICO E ESTABILIDADE PRODUTIVA DE GENÓTIPOS DE SORGO BIOMASSA CULTIVADOS NO ESTADO DE MATO GROSSO

  • Data: 02/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • O sorgo biomassa vem despontando como cultura de elevada produção de biomassa passível de uso tanto para geração de energia quanto para alimentação animal. Entretanto, para sucesso de uma lavoura, um dos fatores primordiais é o uso de genótipos produtivos e estáveis a região de cultivo. A presente pesquisa visando fornecer aos agricultores do Estado de Mato Groso uma nova alternativa para o agronegócio local, avaliou o desempenho agronômico e estabilidade produtiva de genótipos de sorgo biomassa por meio de experimentos de campo desenvolvidos em três distintos locais do estado. O objetivo principal da pesqisa foi identificar cultivares adaptados ao cultivo no Estado de Mato Grosso, passíveis de recomendação de uso pelos agricultores. Para tanto, 25 genótipos de sorgo foram avaliados na Safra 2019/20 nos municípios de Cáceres, Nova Xavantina e Sinop. Dos 25 genótipos, quatro são híbridos comerciais, sendo destes, dois do tipo silageiro (BRS 658 e Volumax) e dois do tipo biomassa (BRS 716 e AGRI002-E) e os outros 21 genótipos são do tipo biomassa, porém genótipos experimentais, desenvolvidos pela Embrapa Milho e Sorgo. Avaliaram-se a altura média de plantas (ALT), a produção de massa verde (PMV), a produção de massa seca (PMS) e o florescimento (FLOR) e os dados foram submetidos a uma análises de variâncias conjunta dos ambientes e, posteriormente, em função das médias para as diferentes características, os genótipos foram agrupados pelo método proposto por Scott-Knott (P<0,05). Para PMV, PMS e ALT, características que demonstraram significância da interação genótipos x ambientes (GxA), avaliaram-se as estabilidades dos genótipos pelo método de Wricke (1965). Quanto ao florescimento, os híbridos forrageiros foram mais precoces que os biomassas, com BRS 658 florescendo, em média aos 68 dias, e o Volumax florescendo aos 76 dias em Cáceres e 72 dias em Sinop. Os biomassas variaram entre 115 a 134 dias para florescer em Sinop e entre 127 e 158 dias em Cáceres. BRS 658 e Volumax se equipararam quanto as alturas, PMV e PMS, com médias de 2,8 m e 36 t.ha-1 e 13 t.ha-1, respectivamente. Com florescimentos mais tardios e ciclos mais longos, os sorgos biomassas demonstraram superioridade aos silageiros quanto ao porte das plantas, PMV e PMS, existindo variabilidade dentre eles e possibilidade de seleção dos mais produtivos e estáveis. Nestes quesitos, dentre os cultivares comerciais, apesar de alturas de plantas semelhantes, em torno de 5 m, o híbrido BRS 716 foi superior em produtividade de massa verde e seca ao sorgo boliviano gigante AGRI002-E nos ambientes Cáceres (PMV = 89 t.ha-1 x 59 t.ha-1; PMS = 39 x 29 t.ha-1) e Nova Xavantina (PMV = 97 t.ha-1 x 73 t.ha-1; PMS = 31 t.ha-1 x 26 t.ha-1), assemelhando-se em Sinop, com médias em torno de 85 t ha-1 para PMV e 35 t ha-1 para PMS. Apesar da interação GXA significativa para PMV e PMS, os híbridos experimentais 2 (201934B002) e 9 (201934B009) se destacaram, superando os comerciais em estabilidade sendo os mais indicados para cultivo nos ambientes avaliados, seja para produção de energia ou alimentação animal, pois demonstraram altas produtividades médias de massa verde (PMV = 95 t ha-1) e de massa seca (PMS = 38 t ha-1), além de alta estabilidade fenotípica para estas características nos diferentes locais de cultivo.


  • Mostrar Abstract
  • Biomass sorghum has emerged as a crop with high biomass production that can be used for both energy generation and animal feed. However, for the success of a crop, one of the main factors is the use of productive and stable genotypes in the growing region. The present research aiming to provide farmers in the State of Mato Groso with a new alternative for local agribusiness, evaluated the agronomic performance and productive stability of sorghum biomass genotypes through field experiments developed in three different locations in the state. The main objective of the research was to identify cultivars adapted to cultivation in the State of Mato Grosso, which could be recommended for use by farmers. For this purpose, 25 sorghum genotypes were evaluated in the 2019/20 harvest in the municipalities of Cáceres, Nova Xavantina and Sinop. Of the 25 genotypes, four are commercial hybrids, two of which are silageiro (BRS 658 and Volumax) and two are biomass (BRS 716 and AGRI002-E) and the other 21 genotypes are of the biomass type, but experimental genotypes, developed by Embrapa Corn and Sorghum. Average plant height (ALT), green mass production (PMV), dry mass production (PMS) and flowering (FLOWER) were evaluated and the data were subjected to joint analysis of variances of the environments and, subsequently, depending on the means for the different characteristics, the genotypes were grouped by the method proposed by Scott-Knott (P <0.05). For PMV, PMS and ALT, characteristics that demonstrated significance of the genotype x environment (GxA) interaction, the genotype stabilities were evaluated by the method of Wricke (1965). As for flowering, forage hybrids were earlier than biomasses, with BRS 658 blooming, on average at 68 days, and Volumax blooming at 76 days in Cáceres and 72 days in Sinop. The biomasses varied between 115 to 134 days to flower in Sinop and between 127 and 158 days in Cáceres. BRS 658 and Volumax equalized in terms of heights, PMV and PMS, with averages of 2.8 m and 36 t.ha-1 and 13 t.ha-1, respectively. With later flowering and longer cycles, sorghum biomass showed superiority to silagers in terms of plant size, PMV and PMS, with variability among them and the possibility of selecting the most productive and stable ones. In this regard, among commercial cultivars, despite similar plant heights, around 5 m, the hybrid BRS 716 was superior in productivity of green and dry mass to the giant Bolivian sorghum AGRI002-E in Cáceres environments (PMV = 89 t. ha-1 x 59 t.ha-1; PMS = 39 x 29 t.ha-1) and Nova Xavantina (PMV = 97 t.ha-1 x 73 t.ha-1; PMS = 31 t.ha-1 x 26 t.ha-1), similar in Sinop, with averages around 85 t ha-1 for PMV and 35 t ha-1 for PMS. Despite the significant GXA interaction for PMV and PMS, experimental hybrids 2 (201934B002) and 9 (201934B009) stood out, surpassing the commercial ones in stability being the most suitable for cultivation in the evaluated environments, whether for energy production or animal feed, since demonstrated high average yields of green matter (PMV = 95 t ha-1) and dry matter (PMS = 38 t ha-1), in addition to high phenotypic stability for these characteristics in different cultivation sites.
8
  • ERIKA LORAINE DA SILVA
  • Perfil de ácidos graxos de genótipos de Carthamus tinctorius L.

  • Orientador : MARCO ANTONIO APARECIDO BARELLI
  • Data: 05/02/2021

  • Mostrar Resumo
  • O cártamo é uma oleaginosa anual, seu óleo tem potencial de utilização em varios setores, como produção de biodiesel, indústria farmaceutica, fabricação de tintas e também na alimentação de ruminantes, pois seu óleo é rico em ácido linoleico, ácido oleico e proteínas. Sendo uma opção de planta oleaginosa, para produção de óleo, pois possui características importantes como manejo simples, similar às culturas já existentes, alto teor de óleo, fácil adaptação ao clima brasileiro e também a possibilidade de geração de subprodutos da produção de óleo para serem utilizados na alimentação animal. O presente estudo avaliou o perfil de ácidos graxos de 120 genótipos de cártamo quanto à qualidade do óleo, onde se utilizou como caracteres avaliados o teor de ácido palmítico, esteárico, oleico e linoleico. As médias de cada caractere foram agrupadas através do teste Scott-Knott (1974) a 1% de probabilidade. Considerando-se todos os caracteres simultaneamente, foi estimada a divergência genética pela distância generalizada de Mahalanobis (D²ii´) e os indivíduos mais similares foram agrupados pelo método de Otimização de Tocher e pelo método de agrupamento hierárquico UPGMA. Os resultados indicaram diferenças significativas (p < 0,01) para todos os caracteres avaliados, evidenciando a existência de variabilidade genética entre os genótipos analisados. Os genótipos que mais se destacaram para as quatro variáveis analisadas foram: PI 369842, PI 392031, PI 401474, PI 401475, PI 405975, PI 532639 e PI 613382. A diversidade genética dos genótipos estudados, existente entre os quatro ácidos graxos avaliados, aliada ao potencial produtivo sugere boas expectativas para obtenção de genótipos promissores em um programa de melhoramento do Cártamo.


  • Mostrar Abstract
  • Safflower is an annual oilseed possessing oil with potential for use in several sectors, such as biodiesel production, pharmaceutical industry, paint manufacturing, besides ruminants feeding, since it is a product rich in linoleic and oleic acids and proteins. It is characterized as an oilseed plant for oil production, since this specie presents important characteristics such as simple management, similar to existing crops, high oil content, easy adaptation to Brazilian climate and also possibility of sub products generating from oil production to be used in animal feed. The present study evaluated the fatty acid profile of 120 safflower genotypes for oil quality, considering as evaluated characters palmitic, stearic, oleic and linoleic acid content. Means of each character were clustered by using Scott-Knott test (1974) at 1% probability. Considering all characters simultaneously, genetic divergence was estimated by Generalized Mahalanobis Distance (D²ii ́) and the most similar individuals were grouped by Tocher Optimization method and hierarchical grouping method UPGMA. The results indicated significant differences (p < 0.01) for all characters evaluated, evidencing the existence of genetic variability among studied genetic materials. Genotypes that stood out for the four variables analyzed were: PI 369842, PI 392031, PI 401474, PI 401475, PI 405975, PI 532639 and PI 613382. The genetic diversity of evaluated genotypes existing among the four fatty acids evaluated, combined with productive potential, suggests expressive expectations for obtaining promising genotypes in a safflower breeding program.

9
  • THATIELEN FURINI
  • Morfologia e biometria dos frutos e sementes e quantificação do DNA nuclear de Bixa arborea e Bixa orellana

  • Orientador : ISANE VERA KARSBURG
  • Data: 01/03/2021

  • Mostrar Resumo
  • O Brasil é o país mais rico em biodiversidade, apresentando a maior riqueza em espécies vegetais. Bixa arborea e Bixa orellana, são duas espécies vegetais semelhantes, da família Bixaceae, com ampla distribuição na América do Sul, e largamente usada pela população tradicional. As espécies do gênero Bixa apresenta um pigmento nas sementes, que vem sendo utilizado pelas populações nativas da América por muito tempo, principalmente na ornamentação do corpo e de utensílios. Hoje sabe-se que esse pigmento e as folhas de Bixa arborea e Bixa orellana são ricos em carotenóides, compostos antioxidantes e vitaminas. Devido à alta concentração desses compostos fitoquímicos, Bixa orellana é muito utilizada na indústria alimentícia e têxtil (como corante) e na indústria farmacêutica e de cosmético, além de ser utilizada como fitoterápicos pela população. Bixa arborea além do uso fitoterápico, também é muito empregada na restauração florestal e como fonte de madeira. Nesse contexto é de extrema importância diferenciar genética e morfologicamente B. arborea de B. orellana, por meio da descrição taxonômica das espécies e da quantificação de DNA nuclear das mesmas, aumentando ainda mais o conhecimento acerca dessas espécies. Também buscou analisar se havia diferença morfológica e genética entre os espécimes de B. arborea, para saber se havia a existência de híbridos na população analisada. Para isso foi realizado a biometria dos frutos e descrição morfológica das duas espécies no Laboratório de Citogenética e Cultura de Tecidos e no Herbário da Amazônia Meridional da Universidade do Estado de Mato Grosso, campus de Alta Floresta, além de análise do conteúdo de DNA por meio de citometria de fluxo. A partir disso, foi possível perceber que as duas espécies apresentam muitas semelhanças anatômicas, diferindo basicamente uma da outra pelo aspecto do fruto: B. arborea apresentou frutos papilhosos ou parcialmente cobertos por espinhos não flexíveis com comprimento variando de 0,1-1,8 mm, enquanto B. orellana apresenta frutos totalmente cobertos por espinhos flexíveis e com comprimento variando de 4 a 9,6 mm. A quantidade média de sementes nos frutos de com B. orellana foi maior que o encontrado nos frutos de B. arborea. Os espécimes de B. arborea apresentaram diferenças morfológicas pontuais, como maior número de estames das flores (fenótipo 3), presença de espinhos no fruto (fenótipo 5 e 6), ausência de espinhos nos frutos (1 e 2) e presença de fruto com ápice mucronatiforme longo, sendo o único fenótipo com essa característica. A quantidade de DNA nuclear apresentou diferença entre as duas espécies e entre os indivíduos de B. arborea, no entanto essa diferença não foi significativa. Isso mostra que as espécies são muito próximas geneticamente e, portanto, muito aparentadas. Dessa forma, podemos concluir que as duas espécies não possuem diferença significativa no tamanho do genoma, sendo o formato do fruto e a quantidade de sementes o mais indicado para separar as duas espécies


  • Mostrar Abstract
  • Brazil is the country richest in biodiversity, changing the greatest wealth in plant species. Bixa arborea and Bixa orellana, are two similar plant species, of the Bixaceae family, with wide distribution in South America, and widely used by the traditional population. The species of the genus Bixa have a pigment in the seeds, which has been used by the native populations of America for a long time, mainly in the ornamentation of the body and objects. Today it is known that this pigment and the leaves of Bixa arborea and Bixa orellana are rich in carotenoids, antioxidant compounds and vitamins. Mandatory to the high concentration of phytochemicals, Bixa orellana is widely used in the food and textile industry (as a dye) and in the pharmaceutical and cosmetic industry, in addition to being used as herbal medicines by the population. Bixa arborea besides phytotherapic use, is also widely used in forest restoration and as a source of wood. In this context, it is extremely important to differentiate genetically and morphologically B. arborea from B. orellana, through the taxonomic description of the species and the quantification of nuclear DNA of the species, further expanding the knowledge about these species. It also sought to analyze whether there was a morphological and genetic difference between B. arborea specimens, to find out if there were hybrids in the analyzed population. For this, the biometrics of the fruits and the morphological description of the two species were carried out at the Laboratory of Cytogenetics and Tissue Culture and at the Herbarium of the Southern Amazon of the University of the State of Mato Grosso, Alta Floresta campus, in addition to analysis of the DNA content through flow cytometry. From this, it was possible to perceive that the two species present many anatomical similarities, basically differing one another by the aspect of the fruit: B. arborea presented papulous fruits or partially covered by non-flexible spines with length varying from 0.1 to 1.8 mm, while B. orellana presents fruits completely covered by flexible spines and with length varying from 4 to 9.6 mm. The average amount of seeds in the fruits of B. orellana was higher than that found in the fruits of B. arborea. The specimens of B. arborea columns point morphological differences, such as greater number of flower stamens (phenotype 3), presence of thorns in the fruit (phenotype 5 and 6), absence of thorns in the fruit (1 and 2) and presence of fruit with long mucronatiform apex, being the only phenotype with this characteristic. The amount of nuclear DNA showed a difference between the two species and neither between those belonging to B. arborea, however this difference was not summarized. This shows that the species are very close genetically and, therefore, very related. Thus, we can conclude that the two species have difference mean the size of the genome, with the shape of the fruit and the quantity of seeds being the most suitable to separate the two species. 

10
  • MAICON DE SOUZA PECEGUEIRO
  •  Pré-melhoramento de pau de balsa (Ochroma pyramidale Cav. ex Lam. Urb.)

  • Data: 04/03/2021

  • Mostrar Resumo
  • O pau de balsa é uma espécie nativa da Amazônia, com ocorrência no Brasil e países vizinhos, possuindo como característica baixa densidade da madeira, sendo empregada nas indústrias náutica e aeronáutica, indústrias moveleira até para fins medicinais. Devido à sua característica de crescimento rápido, silvicultores no estado de Mato Grosso realizaram a implantação de cultivos comercias, porém com mudas sem seleção e padronização e pouca informação da cultura. Com o intuito de promover o pré-melhoramento da cultura, o objetivo deste trabalho foi estimar a densidade básica da madeira in situ, selecionar e avaliar a variabilidade fenotípica entre os indivíduos plantados no Mato Grosso e validar técnicas de propagação vegetativa propostas para a espécie. Para a predição da densidade da madeira, utilizou-se o equipamento Pilodyn em 20 árvores adultas. Para cada indivíduo foram determinados três pontos amostrais: na base do tronco, a 1,30 m e 3,10 m, na face norte e sul na árvore. O uso do Pilodyn para a predição da densidade básica da madeira no pau de balsa demonstrou-se eficiente e aplicável quando realizada a 1,30 m de altura. Para o ranqueamento e divergência fenotípica, foram selecionados 70 indivíduos de pau de balsa, de sementes oriundas do Brasil e Equador. Foram obtidas as seguintes medidas: altura total do indivíduo, DAP e densidade básica da madeira. Foi realizada a matriz de dissimilaridade Euclidiana, e o método de otimização de Toucher. Verificou-se a ocorrência de variabilidade entre os indivíduos, com a formação de nove diferentes grupos, com destaque para os genótipos A09 e A14, ambos de origem equatoriana. Para a propagação vegetativa foram conduzidos dois experimentos. Para tal foram selecionadas 240 estacas provenientes de 10 matrizes. Os tratamentos foram realizados com diferentes concentrações de AIB, em DIC, com 4 repetições. Foi analisado a porcentagem de sobrevivência, calosidade e formação de raízes após 60 dias. Verificou-se que após o este período, os tratamentos não obtiveram resposta significativa para formação de raízes, e apresentaram baixa sobrevivência, inviabilizando a propagação vegetativa do pau de balsa por estaquia. Indica-se o Pilodyn para avaliação in situ da densidade da madeira a 1,30 de altura; os plantios analisados apresentam variabilidade fenotípica e seleção, com destaque para árvores de origem equatoriana; a propagação vegetativa por meio da estaquia se mostrou inviável para a espécie.


  • Mostrar Abstract
  • The balsa stick is a native species of the Amazon, occurring in Brazil and neighboring countries, having as a characteristic low density of wood, being used in the nautical and aeronautical industries. However, its use is not restricted only to these areas, but occurs from the furniture industries to medicinal purposes. Due to their characteristic of rapid growth, foresters in the state of Mato Grosso implemented commercial crops, but with seedlings without selection and standardization and little information on the crop. In order to promote the pre-improvement of the crop, the objective of this work was to estimate the basic density of the wood in situ, to evaluate the phenotypic variability among individuals planted in Mato Grosso and to validate proposed vegetative propagation techniques for the species. To predict the density of the wood, Pilodyn equipment was used on 20 adult trees. From each individual, three sampling points were determined: at the base of the trunk, at 1.30 m and 3.10 m, on the north and south sides of the tree. The use of Pilodyn for the prediction of the basic density of the wood in the balsa stick proved to be efficient and applicable when performed at 1.30 m in height. For the selection and phenotypic divergence, 70 individuals of balsa stick, seeds from Brazil and Ecuador were selected. The following measures were obtained: total height of the individual, DBH and basic wood density. The Euclidean dissimilarity matrix and the Toucher optimization method were performed. Variability was found between individuals, with the formation of nine different groups using the Toucher optimization method, with emphasis on genotypes A09 and A14, both of Ecuadorian origin. For vegetative propagation, 240 cuttings were selected from 10 pre-selected matrices. The treatments were carried out with different concentrations of AIB, in DIC, with 4 repetitions. The percentage of survival, calluses and root formation after 60 days were analyzed. It was found that after this period, the treatments did not obtain a significant response to root formation, and presented low survival, making the vegetative propagation of balsa stick unfeasible by cutting. Analyzing the research for the pre-breeding of the species, Pilodyn is indicated for in situ assessment of the wood density at 1.30 in height and that the analyzed plantations present phenotypic variability, with emphasis on trees of Ecuadorian origin. However, vegetative propagation through cuttings proved to be unfeasible for the species.

11
  • PEDRO SÁVIO SOUSA NUNES DA SILVA
  • Indução de resistência à Fusarium guttiforme em genótipos de abacaxizeiro no município de Tangará da Serra Mato Grosso

  • Orientador : DEJANIA VIEIRA DE ARAUJO
  • Data: 05/03/2021

  • Mostrar Resumo
  • No Brasil, o cultivo de abacaxi vem crescendo consideravelmente, mas a fusariose, considerada como a principal doença desta cultura, vem ocasionando perdas elevadas na produção. Dessa forma, o presente estudo teve como objetivo avaliar a eficiência de indutores de resistência aplicados em cultivares para controle da fusariose do abacaxizeiro, como também verificar a influência dos mesmos sobre as características vegetativas das cultivares. Foram utilizados os tratamentos: T0- testemunha absoluta; T2- acibenzolar-S-metílico (ASM) 0,4gL-1; T3- Bacillus subtilis 1x109 UFC mL-1; T4- ecolife® 0,2 mL-1; T5- acibenzolar-S-metílico (ASM) 0,4gL-1 + Bacillus subtilis 1x109 UFC mL-1 + e T6- ecolife® 0,2 mL-1 + Bacillus subtilis 1x109 UFC mL-1. O delineamento experimental empregado foi o de blocos casualizados em arranjo fatorial 6x2 (6 tratamentos e duas cultivares (uma resistente e outra suscetível), contendo 3 repetições, cada parcela com 5 plantas, no qual as mesmas plantas foram utilizadas para análise enzimática, como também para análise da severidade da doença. Para avaliação da matéria seca utilizou-se duas plantas de cada repetição por cultivar. As coletas para análise enzimática de peroxidase, polifenoloxidase, fenilalanina amônia-liase, β-1,3-glucanase e proteínas totais foram realizadas as 24, 48, 72, 96 e 120 horas após a inoculação de Fusarium guttiforme. Todos os indutores avaliados proporcionaram incrementos na atividade da peroxidase, polifenoloxidase, β-1,3 glucanase e fenilalanina amônia-liase, mas somente ASM, PBC e Bacillus subtilis + PBC tiveram eficiência no controle da fusariose, além disso, as plantas da cultivar resistente (BRS Imperial) manifestaram menor severidade e menor Área Abaixo da Curva de Progresso da Severidade (AACPS) quando comparadas com as plantas da cultivar suscetível (Pérola). Todos os indutores proporcionaram aumento da massa seca na parte aérea para cultivar Pérola. Não foi observado influência dos indutores nas outras características vegetativas avaliadas.


  • Mostrar Abstract
  • In Brazil, the cultivation of pineapple has grown considerably, but fusariosis, considered as the main disease of this culture, has been causing high losses in production. Thus, the present study aimed to evaluate the efficiency of resistance inducers applied in cultivars to control pineapple fusarium disease, as well as to verify their influence on the vegetative characteristics of the cultivars. The treatments were used: T0 - absolute control; T2- acibenzolar-S-methyl (ASM) 0.4gL-1; T3- Bacillus subtilis 1x109 UFC mL-1; T4-ecolife® 0.2 mL-1; T5- acibenzolar-S-methyl (ASM) 0.4gL-1 + Bacillus subtilis 1x109 UFC mL-1 + and T6- ecolife® 0.2 mL-1 + Bacillus subtilis 1x109 UFC mL-1. The experimental design used was randomized blocks in a 6x2 factorial arrangement (6 treatments and two cultivars (one resistant and the other susceptible), containing 3 replicates, each plot with 5 plants, in which the same plants were used for enzymatic analysis, as well as to analyze the severity of the disease, two plants of each replicate per cultivar were used to evaluate the dry matter. The collections for enzymatic analysis of peroxidase, polyphenoloxidase, phenylalanine ammonia lyase, β-1,3-glucanase and total proteins were performed at 24, 48, 72, 96 and 120 hours after inoculation of Fusarium guttiforme. All inductors evaluated provided increases in the activity of peroxidase, polyphenoloxidase, β-1,3 glucanase and phenylalanine ammonia lyase, but only ASM, PBC and Bacillus subtilis + PBC were efficient in controlling fusariosis, in addition, the plants of the resistant cultivate (BRS Imperial) showed less severity and less Area Under the Curve of Severity of Disease Progress (AUDPC) when compared to the plants of the susceptible cultivate (Pérola). All inductors provided an increase in the dry mass in the aerial part to cultivate Pérola. There was no influence of inductors on the other vegetative characteristics evaluated.

12
  • MARIANO PEREIRA NOLETO
  • SELEÇÃO DE LINHAGENS DE FEIJÃO-MUNGO QUANTO À RESPOSTA A APLICAÇÃO DE FERTILIZANTES

  • Data: 06/04/2021

  • Mostrar Resumo
  • As linhagens pré-comerciais de feijão-mungo, selecionadas pelo programa de melhoramento da Embrapa Meio-Norte, são avaliadas no estado de Mato Grosso no período de segunda safra para avaliação da adaptabilidade e estabilidade de produção e outros fenótipos de interesse agronômico. Neste trabalho, o objetivo foi avaliar a resposta das linhagens na produtividade de grãos pela aplicação de fertilizantes. Os experimentos foram instalados com e sem aplicação de adubo, sendo dois ensaios por local, com as mesmas linhagens, variando apenas a aplicação de fertilizante, um deles sem aplicação (zero de adubo) e o outro com aplicação do formulado NPK 0-20-20 no sulco de semeadura e 45 kg/ha nitrogênio em cobertura, aos 25 a 30 dias após a emergência. As doses foram definidas considerando a análise de solo em cada local. Os experimentos foram conduzidos em Sorriso-MT 2019, Sorriso-MT 2020, Sinop-MT 2019 e Sinop-MT 2020, totalizando quatro ensaios sem adubo e quatro com adubação. Antes da semeadura foram coletadas amostras compostas de solo da camada de 0-0,20m, para caracterização física, química e interpretação da fertilidade do solo. Os ensaios foram compostos por onze tratamentos, sendo dez linhagens pré-comerciais e uma testemunha. O delineamento experimental foi o DBC, com 3 repetições, parcelas de 2 linhas de 4m de comprimento e espaçamento de 0,50m. Foram avaliados, o valor de cultivo, o comprimento da vagem, número de grãos por vagem, a massa de 100 grãos, rendimento de grãos e o índice de grãos. De modo geral, foi observado efeito significativo entre as linhagens para todas as características avaliadas, indicando a presença de variação entre elas. A interação tratamentos x ambientes, foi não significativa, indicando que não houve alteração na classificação das linhagens, independentemente se o ambiente foi adubado ou não. As linhagens que apresentaram melhor resposta à adubação foram BRA-000027 (MV4) e BG3 (MV10). A linhagem BRA-000027 foi a de melhor adaptabilidade geral e também a melhor para ambientes desfavoráveis. Já a linhagem BG3 foi a que apresentou melhor adaptabilidade a ambientes favoráveis.


  • Mostrar Abstract
  • The mung bean lines, selected by the breeding program of Embrapa Meio-Norte, are evaluated in the state of Mato Grosso during the off season to assess the adaptability and stability of production and other phenotypes of agronomic interest. In this work, the objective was to evaluate the response of lines to grain yield by applying fertilizers. The experiments were installed with and without application of fertilizer, with two tests per site, with the same lines, varying only the application of fertilizer, one without application (zero fertilizer) and the other with application of the formulated NPK 0-20- 20 in the sowing furrow and 45 kg / ha of nitrogen in cover, 25 to 30 days after emergence. The doses were defined considering the soil analysis at each location. The experiments were conducted in Sorriso-MT 2019, Sorriso-MT 2020, Sinop-MT 2019 and Sinop-MT 2020, totaling four trials without fertilizer and four with fertilization. Before sowing samples were collected composed of soil from the 0-0.20m layer, for physical, chemical characterization and interpretation of soil fertility. The tests consisted of eleven treatments, ten pre-commercial lines and one control. The experimental design was the DBC, with 3 replicates, plots of 2 lines of 4m in length and 0.50m spacing. The cultivation value, the length of the pod, number of grains per pod, the mass of 100 grains, grain yield and the grain index were evaluated. In general, a significant effect was observed between strains for all evaluated characteristics, indicating the presence of variation between them. The interaction between treatments and environments was not significant, indicating that there was no change in the classification of strains, regardless of whether the environment was fertilized or not. The strains that showed the best response to fertilization were BRA-000027 (MV4) and BG3 (MV10). The strain BRA-000027 was the one with the best general adaptability and also the best for unfavorable environments. The BG3 strain showed the best adaptability to favorable environments.

13
  • JUNIOR ANTONIO MARTINS DE MELO
  • Caracterização, fenologia reprodutiva e uso de regulador de crescimento de estaquia em Passiflora spp

  • Orientador : SERGIO ALESSANDRO MACHADO SOUZA
  • Data: 12/04/2021

  • Mostrar Resumo
  • A família Passifloraceae possui distribuição pantropical, incluindo cerca de 20 gêneros e 600 espécies, no Brasil ocorrem quatro gêneros, Ancistrothyrsus Harms, Dilkea Mast., Mitostemma Mast. e Passiflora L., com cerca de 161 espécies, sendo 89 dessas endêmicas, além de uma subespécie e três variedades, sendo que Passiflora é o gênero mais comum da família, no Mato Grosso ocorrem aproximadamente 42 espécies de Passiflora e 1 variedade, nesta família estão incluídos os maracujás (Passiflora spp.) com diversas espécies nativas com grande potencial ornamental e alimentício, sendo Passiflora edulis Sims. uma das poucas espécies cultivadas, necessitando assim de estudos e conhecimentos das espécies nativas, com esse propósito foi realizado coletas de espécies da família Passifloraceae na região norte de Mato Grosso entre Abril á Dezembro de 2020, visando abranger o máximo possível de espécies, na maior área possível, e nas mais diferentes tipologias florestais que estas ocorrem. Após oito incursões a campo foram demarcados 43 indivíduos de cinco espécies diferentes sendo Passiflora miniata Vanderpl., Passiflora cristalina Vanderpl. & Zappi, Passiflora nitida Kunth, Passiflora foetida L. e Passiflora cincinnata Mast., nos municípios de Alta Floresta, Carlinda e Paranaíta, obtendo assim os seguintes dados, ao todo foram coletados 364 frutos, apresentando como médias os seguintes valores: Comprimento de frutos em (mm) 41,48; Diâmetro de Frutos (mm) 34,48; apresentando relação Comp./Diam. de 1,44; Espessura de casca (mm) 3,03; Massa de Fruto (g) 22,94; Massa da casca (g) 12,04; Massa da Polpa (Arilo + sementes) (g) 10,14; Peso de sementes (g) 1,43; Quantidade de sementes 130,36; Rendimento de Polpa de 45,02% e Teor de sólidos solúveis (SS = °Brix) de 14,09. Na realização das estaquias foi utilizado, AIB (Acido Indolbutírico), nas proporções 0, 250, 500, 750 e 1000 mg/L, onde o ácido foi eficiente no desenvolvimento de raízes e a concentração que proporcionou melhores resultados doi de 750 mg/L. No tocando a fenologia de Passiflora, foi observado que a espécie Passiflora foetida L. foi a que apresentou o maior número total de flores abertas na planta, e frutos preso a planta sendo contados 63 flores e 91 frutos, referente a botões florais a espécie Passiflora miniata apresentou 385, no auge de seu período de florescimento.


  • Mostrar Abstract
  • The Passifloraceae family has a pantropical distribution, including about 20 genera and 600 species, in Brazil there are four genera, Ancistrothyrsus Harms, Dilkea Mast., Mitostemma Mast. and Passiflora L., with about 161 species, 89 of which are endemic, in addition to a subspecies and three varieties, with Passiflora being the most common genus of the family, in Mato Grosso there are approximately 42 species of Passiflora and 1 variety in this family Passion fruit (Passiflora spp.) with several native species with great ornamental and food potential is included, being Passiflora edulis Sims. one of the few cultivated species, thus requiring studies and knowledge of native species, for this purpose collections of species of the Passifloraceae family were carried out in the northern region of Mato Grosso from April to December 2020, aiming to cover as many species as possible, in the largest possible area, and in the most different types of forest that they occur. After eight field incursions, 43 individuals of five different species were demarcated, being Passiflora miniata Vanderpl., Passiflora cristalina Vanderpl. & Zappi, Passiflora nitida Kunth, Passiflora foetida L. and Passiflora cincinnata Mast., in the municipalities of Alta Floresta, Carlinda and Paranaíta, thus obtaining the following data, in all 364 fruits were collected, presenting the following values as averages: Fruit length in (mm) 41.48; Fruit Diameter (mm) 34.48; showing Length / Day ratio. 1.44; Shell thickness (mm) 3.03; Fruit Mass (g) 22.94; Shell mass (g) 12.04; Pulp Mass (Aryl + seeds) (g) 10.14; Seed weight (g) 1.43; Quantity of seeds 130.36; Pulp yield of 45.02% and soluble solids content (SS = ° Brix) of 14.09. In the making of the stems, AIB (Indolbutyric Acid) was used, in the proportions 0, 250, 500, 750 and 1000 mg / L, where the acid was efficient in the development of roots and the concentration that provided better results than 750 mg / L. Regarding the Passiflora phenology, it was observed that the Passiflora foetida L. species was the one that presented the highest total number of open flowers in the plant, and fruits stuck to the plant being counted 63 flowers and 91 fruits, referring to the Passiflora species flower buds. miniata presented 385, at the height of its flowering period.

14
  • JOELSON DE OLIVEIRA BARROS
  • Comportamento meiótico, viabilidade polínica e cariótipo de plantas triploides de Passiflora foetida L.

     

  • Orientador : MAURECILNE LEMES DA SILVA
  • Data: 14/07/2021

  • Mostrar Resumo
  • Comportamento meiótico, viabilidade polínica e cariótipo de plantas triploides de Passiflora foetida L.


    Este estudo contribuiu para o conhecimento citogenético de P. foetida diploide (2n = 20) e triploide (2n = 30) com resultados inéditos que permitiram aumentar o nível de ploidia de P. foetida, a partir da cultura de tecidos de endosperma. O citótipo triploide apresentou irregularidades cromossômicas durante as fases meióticas que resultaram na redução da taxa de fertilidade dos grãos de pólen, mas não causaram alterações no perfil cromossômico.

    A análise do comportamento meiótico revelou que o incremento de ploidia em P. foetida triploide resultou no aumento do número de cromossomos homólogos e da consequente competição entre os pareáveis, levando a configurações anormais uni e trivalentes, formação de cadeias cromossômicas que resultaram no desequilíbrio sináptico e na ocorrência de cromossomos não-congressados, retardatários, ou de migração precoce; também foi possível identificar a presença de pontes cromossômicas, citomixia e tríades.

    A análise de viabilidade polínica do P. foetida diploide demonstrou que 75,7% dos grãos de pólen responderam de modo uniforme a coloração com diacetato de fluoresceína (FDA) e foram classificados como viáveis e apenas 24,3% considerados estéreis. No entanto, as irregularidades meióticas levaram P. foetida triploide a exibir elevadas taxas de inviabilidade 70,75 %; permitiram a reprodução vegetal e o desenvolvimento de frutos com sementes, mesmo que em pequena quantidade.

    A dupla coloração diferencial com os fluorocromos CMA/DAPI confirmaram a formação de quatro bandas CMA+ nos cromossomos 1 e 3 de ambos os citótipos.

    A análise cariotípica demonstrou que o aumento da ploidia preservou a configuração morfonumérica do perfil cromossômico naturalmente diploide. As raras exceções parecem estar relacionadas à diferença de condensação observadas nos cromossomos dos citótipos. Assim, ambos os citótipos diploide e triploide, apresentaram os cariótipos formados por oito pares de cromossomos metacêntrico (cromossomos 1, 2, 3, 6, 7, 8 e 9) e dois pares submetacêntricos (cromossomos 4 e 5); com respostas positiva para CMA3+ nos cromossomos 1 e 3; ambos os cariótipos apresentaram cromossomos de tamanho reduzido. Em geral, os cariótipos analisados apresentaram importantes similaridades. O comprimento relativo (CR) do cariótipo diploide revelou que o maior cromossomo representa 13,35% do cariótipo e o menor 7,90%; enquanto a planta triploide o maior cromossomo corresponde a 13,45% e o menor 6,60% do genoma. O lote cromossômico monoploide do cariótipo diploide de P. foetida apresentou16,14 µm, enquanto a planta o triploide mediu 14,42 µm, representando uma dissimetria de apenas 10,65% por conta da diferença de concentração cromossômica nas fases da mitose.

    A análise citogenética do comportamento meiótico, viabilidade polínica e caracterização cariotípicas de Passiflora foetida triploides obtidas a partir da cultura de explantes de endosperma de planta diploide produzem informações importantes sobre morfologia e comportamento cromossômico que influenciam na fertilidade das espécies e podem subsidiar adoção de novas estratégias aos programas de melhoramento genético que visam destacar características fenotípicas desejáveis, sobretudo de plantas ornamentais, através do processo de poliploidização.


  • Mostrar Abstract
  • Nos últimos anos algumas espécies do gênero passiflora têm despertado o interesse dos mercados de plantas ornamentais por conta da exuberância dos ramos e da beleza exótica das flores, agregando o potencial paisagístico à importância econômica alimentícia. O principal responsável para esse crescimento é o desenvolvimento de técnicas biotecnológicas com a produção de cultivares híbridos ou poliploides. O projeto objetiva avaliar o comportamento meiótico, o cariótipo e hibridização in situ em plantas triploides de Passiflora foetida obtidas a partir do cultivo in vitro de tecido endospérmico. Serão realizadas medidas de morfometria cromossômica, bandeamento e Hibridização In Situ Fluorescente (FISH), além disso, o comportamento meiótico também será avaliado, de modo que seja possível identificar o número, o grau de anormalidades cromossômicas e a estabilidade meiótica durante o processo de formação dos grãos de pólen. Também pretende-se observar o grau de viabilidade polínica, bem como analisar as normalidades parentais. A partir da confecção de cariótipos, será possível fazer a contagem e comparação dos cromossomos dos triploides com os seus respectivos diploides. Por meio de técnicas de bandeamento, pretende-se traçar e comparar perfis de heterocromatina dos cromossomos, quantificando os sítios CMA+ o método de hibridação Fluoresente In Situ (FISH) será realizado a fim de quantificar e localizar os sítios de DNAr 5S e 45S.

2020
Dissertações
1
  • CATIANE DOS SANTOS BRAGA
  • Caracterização morfoagronômica, fenológica e viabilidade polínica de genótipos de feijão

  • Orientador : SERGIO ALESSANDRO MACHADO SOUZA
  • Data: 21/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • A caracterização e avaliação dos recursos genéticos são essenciais para o desenvolvimento de novas cultivares pelos programas de melhoramento genético. Entre as atividades realizadas, destacam-se os estudos morfoagronômicos e os de biologia reprodutiva. Baseado nisso, este trabalho teve por objetivo realizar a caracterização morfoagronômica, fenológica e estimar a viabilidade polínica de treze variedades de feijão nas condições do município de Alta Floresta-MT. O experimento foi conduzido em DIC consistindo de treze tratamentos (PV01, VU02, VU03, VU04, VU05, PV06, VU07, PV08, PV09, VU10, VU11, VU12, PL13) e dez repetições. A caracterização morfoagronômica foi realizada via descritores de planta, folha, flor, frutos e sementes. Os dados obtidos foram avaliados via estatística descritiva, uni e multivariada. Apenas flores de cor violeta e branca foram observadas. A maioria das variedades apresentaram sementes pequenas com diversas colorações. A análise de variância mostrou diferenças significativas a 1% de probabilidade para todas as características quantitativas avaliadas. O número de dias para florescimento e maturação fisiológica foram as características que apresentaram mais grupos formados pelo teste de agrupamento de média Scott & Knott. Os métodos de agrupamento UPGMA e Tocher foram concordantes em separar as variedades em três grupos e conforme a espécie. Já as variáveis canônicas revelaram que as duas primeiras características explicaram 100% da variação total e separou as variedades em cinco grupos. As características que mais contribuíram para a divergência genética foram: número de dias para o florescimento e maturação fisiológica. Na avaliação das fases fenológicas, uma escala de notas estabelecida para o feijão comum foi utilizada e aplicada para todas as variedades. Foi estimado a taxa de florescimento, o pico de florescimento e a viabilidade polínica usando o corante Alexander. O desenvolvimento vegetativo e reprodutivo das treze variedades de feijão variou de 22 a 36 dias e 36 a 59 dias respectivamente. As variedades com o período reprodutivo mais longo levaram mais tempo para completarem o ciclo de desenvolvimento. Os genótipos PV06 e PV08 ambos de hábito de crescimento determinado e pertencentes a espécie P. vulgaris foram os mais precoces, enquanto que a variedade VU05 de hábito de crescimento indeterminado e da espécie V. unguiculata levou mais tempo para completar o ciclo. O maior pico e taxa de florescimento foi obtido pelo genótipo PL13, e todas as variedades apresentaram alta porcentagem de polens viáveis. Conclui-se que as treze variedades de feijão possuem variabilidade genética e recursos genéticos potenciais a serem conservados e utilizados em programas de melhoramento genético. Além disso, é fundamental que os estudos sejam ampliados para aumentar o conhecimento da variabilidade local existente. 


  • Mostrar Abstract
  • The characterization and evaluation of genetic resources are essential for the development of new cultivars by breeding programs. Among the activities carried out, it highlight the morphoagronomic and reproductive biology studies. Therefore, this study aimed to carry out a morphoagronomic, phenological characterization and estimate the pollen viability of thirteen bean varieties under the conditions of the city of Alta Floresta-MT. The experiment was conducted at the DIC consisting of thirteen treatments (PV01, VU02, VU03, VU04, VU05, PV06, VU07, PV08, PV09, VU10, VU11, VU12, PL13) and ten repetitions. The morpho-agronomic characterization was performed using descriptors of plants, leaves, flowers, fruits and seeds. The data obtained were evaluated using descriptive, uni and multivariate statistics. Only violet and white flowers were observed. Most varieties had small seeds with different colors. The analysis of variance showed significant differences at 1% probability for all quantitative characteristics evaluated. The number of days for flowering and physiological maturation were the characteristics that presented more groups formed by the Scott & Knott average cluster test. The UPGMA and Tocher clustering methods agreed to separate the varieties into three groups and according to species. The canonical variables revealed that the first two characteristics explained 100% of the total variation and separated the varieties into five groups. The characteristics that most contributed to the genetic divergence were: number of days for flowering and physiological maturation. In the evaluation of the phenological phases, a scale of notes established for common beans was used and applied to all varieties. The flowering rate, peak flowering and pollen viability were estimated using the Alexander dye. The vegetative and reproductive development of the thirteen bean varieties ranged from 22 to 36 days and 36 to 59 days respectively. Varieties with a longer reproductive period took longer to complete the development cycle. The genotypes PV06 and PV08 both of determined growth and belong to species P. vulgaris are the earliest, while the VU05 variety of undetermined growth took longer to complete the cycle. The highest peak and flowering rate was obtained by the PL13 genotype, and all varieties had a high percentage of viable pollens. It is concluded that the thirteen bean varieties have genetic variability and potential genetic resources to be conserved and used in breeding programs. In addition, it is essential that studies be expanded to increase knowledge of the existing local variability.

2
  • JOAMESON DOS SANTOS LIMA
  • Estabilidade e adaptabilidade de híbridos de milho (Zea mays L.) em diferentes ambientes no Norte de Mato Grosso e Sudeste de Rondônia

  • Orientador : ANA APARECIDA BANDINI ROSSI
  • Data: 27/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • A identificação de genótipos com alto potencial de produção e com ampla estabilidade e adaptabilidade é um dos principais alvos de programas de melhoramento de milho (Zea mays). É por isso que, antes de serem recomendados aos agricultores, esses genótipos são avaliados em ensaios multi-ambientais. O objetivo deste trabalho foi avaliar a adaptabilidade e estabilidade de híbridos de milho em seis ambientes na região Norte de Mato Grosso e Sudeste de Rondônia. Para tal, foram avaliados 36 híbridos simples de milho em seis ambientes, sendo eles: Vilhena-RO, Sorriso-MT, Alta Floresta-MT, Carlinda-MT e Sinop-MT, uma vez que este último fora avaliado em dois anos de produção (2017/2018 e 2018/2019), totalizando assim, seis ambientes. Os experimentos foram delineados em látice quadrado (6x6) e em 2 repetições. Cada parcela experimental foi composta de duas fileiras de quatro metros de comprimento, espaçadas em 0.7 m, perfazendo um total de 144 unidades experimentais (36x2x2). A PG foi obtida pela pesagem dos grãos debulhados de cada parcela, posteriormente, os dados foram submetidos a correção de stand, a partir da análise de covariância com correção para stand ideal, corrigidas para 13% de umidade e convertida para kg.ha-1. A estabilidade e a adaptabilidade foi avaliada por meio dos métodos de Annicchiarico (1992), Lin & Binns (1988), Eberhart & Russel (1966) e AMMI por meio do programa Genes e para o método REML/Blup utilizou-se o software Selegen. Houve diferença significativa (p<0,01) para os efeitos de ambientes e interação GXA. A metodologia de Annichiarico, revelou os ambientes de Vilhena-RO, Sorriso-MT e Alta Floresta-MT como os ambientes favoráveis de cultivo e o genótipo 1P2255 com adaptabilidade em todos os ambientes de cultivo. Já o método proposto por Lin & Binns revelou os genótipos DKB310, 1P2247, 1L1411, 1P2215, 1P2267 e 1M1782 apresentaram adaptabilidade a ambientes gerais. Para o método Eberhart & Russel os genótipos com altas médias de produtividade de grãos, adaptabilidade ampla e alta estabilidade foram 1O2112, 1P2203, 1P2184, 1P2212, 1P2255 e 1P2231. O método AMMI apontou o genótipo 1P2255 como mais produtivo e também mais adaptado e estável para os ambientes avaliados. A metodologia REMEL/Blup indicou os genótipos DKB310, 1P2247, 1L1411, 1P2255, 1P2215, 1P2214, 1M1782, 1P2267, DKB390, 1M1807, 1N1958, 1P2184 e 1P2231 como os mais estáveis, adaptáveis e com melhores desempenhos produtivos. As metodologias de Annicchiarico, Eberhart & Russel, AMMI e REMEL/Blup apresentaram resultados semelhantes na classificação e recomendação do híbridos1P2255 com ampla adaptabilidade. Contudo, ocorreu divergência na indicação de híbridos com adaptabilidade específica a ambientes favoráveis e desfavoráveis.


  • Mostrar Abstract
  • The identification of genotypes with high production potential and with broad stability and adaptability is one of the main targets of maize breeding programs (Zea mays). That is why, before being recommended to farmers, these genotypes are evaluated in multi-environmental tests. The objective of this work was to evaluate the adaptability and stability of corn hybrids in six environments in the North of Mato Grosso and Southeast of Rondônia. For this, 36 simple corn hybrids were evaluated in six environments, namely: Vilhena-RO, Sorriso-MT, Alta Floresta-MT, Carlinda-MT and Sinop-MT, since the latter was evaluated in two years of production (2017/2018 and 2018/2019), thus totaling six environments. The experiments were outlined in a square lattice (6x6) and in 2 repetitions. Each experimental plot was composed of two rows of four meters long, spaced 0.7 m apart, making a total of 144 experimental units (36x2x2). The PG was obtained by weighing the threshed grains from each plot, afterwards, the data were subjected to stand correction, from the analysis of covariance with correction for ideal stand, corrected to 13% humidity and converted to kg.ha-1. Stability and adaptability were assessed using the methods of Annicchiarico (1992), Lin & Binns (1988), Eberhart & Russel (1966) and AMMI using the Genes program and for the REML/Blup method, the Selegen software was used. There was a significant difference (p <0.01) for the effects of environments and GXA interaction. The Annichiarico methodology revealed the environments of Vilhena-RO, Sorriso-MT and Alta Floresta-MT as the favorable cultivation environments and the 1P2255 genotype with adaptability in all cultivation environments. The method proposed by Lin & Binns, on the other hand, revealed the genotypes DKB310, 1P2247, 1L1411, 1P2215, 1P2267 and 1M1782 showed adaptability to general environments. For the Eberhart & Russel method, the genotypes with high average grain yield, broad adaptability and high stability were 1O2112, 1P2203, 1P2184, 1P2212, 1P2255 and 1P2231. The AMMI method identified the 1P2255 genotype as more productive and also more adapted and stable for the evaluated environments. The REMEL / Blup methodology indicated the genotypes DKB310, 1P2247, 1L1411, 1P2255, 1P2215, 1P2214, 1M1782, 1P2267, DKB390, 1M1807, 1N1958, 1P2184 and 1P2231 as the most stable, adaptable and with the best productive performances. The methodologies of Annicchiarico, Eberhart & Russel, AMMI and REMEL/Blup showed similar results in the classification and recommendation of hybrids1P2255 with wide adaptability. However, there was a divergence in the indication of hybrids with specific adaptability to favorable and unfavorable environments.

3
  • CARLOS ALBERTO DA CUNHA OLIVEIRA
  • Identificação de genótipos de teca resistentes a Murcha de ceratocystis

  • Orientador : LEONARDA GRILLO NEVES
  • Data: 28/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • As florestas com plantios comerciais de Tectona grandis L.f vem aumentando no estado de Mato Grosso, devido as condições edafoclimáticas que favorece no desenvolvimento vegetativo e principalmente no ganho em produtividade de m3/ha/ano. Essas condições também proporciona o surgimento de várias doenças e uma que merece destaque é o fungo do gênero Ceratocystis, que coloniza inicialmente o câmbio vascular da planta entre a casca e o lenho e impede a passagem de seiva, ocasionando a morte da árvore. Porém são poucos os trabalhos de melhoramento genético objetivando a seleção de material com resistência e suscetível a doenças. Nesse sentido o trabalho foi de avaliar a variabilidade genética de 37 genótipos de teca clonais em casa de vegetação após a inoculação do isolado do patógeno. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, com 3 repetições e cada parcela composta por 3 plantas, totalizando 333 unidades. As mudas foram avaliadas após 120 horas da inoculação do fungo Ceratocystis fimbriata por dias alternados até completar 126 dias, onde se mensurou as variáveis: altura total da planta, diâmetro do colo e os tamanhos da lesões feitos por fotogrametria. Porém sendo encontrado diferentes formas de manifestação do patógeno nos genótipos, mancha larga se deslocando entre a medula e os vasos condutores, outra com riscos distribuídos linear e aleatório pelo fuste, e uma elipse.


  • Mostrar Abstract
  • The commercially planted forests of Tectona grandis L.f have been increasing in the state of Mato Grosso, due to the edaphoclimatic conditions that favor the vegetative development and mainly the gain in productivity of m3 / ha / year. These conditions also provide the appearance of several diseases and one that deserves mention is the fungus of the genus Ceratocystis, which initially colonizes the vascular exchange of the plant between the bark and the wood and prevents the passage of sap, causing the death of the tree. However, there are few genetic improvement works aimed at the selection of material with resistance and susceptible to diseases. In this sense, the work was to evaluate the genetic variability of 37 clonal teak genotypes in a greenhouse after inoculation of the pathogen isolate. The experimental design used was randomized blocks, with 3 replications and each plot composed of 3 plants, totaling 333 units. The seedlings were evaluated 120 hours after inoculation of the fungus Ceratocystis fimbriata for alternate days until completing 126 days, where the variables were measured: total height of the plant, diameter of the neck and the sizes of the lesions made by photogrammetry. However, being found different forms of manifestation of the pathogen in the genotypes, a large patch moving between the medulla and the conducting vessels, another with risks distributed linearly and randomly through the shaft, and an ellipse.

4
  • GESSICA TAIS ZANETTI
  • Aspectos reprodutivos e diversidade genética de pau-de-balsa (Ochroma pyramidale Cav. ex Lam. Urb., Malvaceae).

  • Orientador : ANA APARECIDA BANDINI ROSSI
  • Data: 28/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • O pau-de-balsa (Ochroma pyramidale Cav. ex Lam. Urb) pertence à família Malvaceae, é uma espécie arbórea, perene e nativa da América do Sul e Central. A espécie é muito utilizada na recuperação de áreas degradadas e sua exploração revelou-se como atividade produtiva de valor econômico para produção de madeira de baixa densidade. Porém, o conhecimento sobre os aspectos reprodutivos e a diversidade genética desta espécie é escasso. Diante disso, este estudo objetivou analisar aspectos da biologia reprodutiva e avaliar a diversidade genética de populações de O. pyramidale cultivadas no estado de Mato Grosso, Brasil. Para as análises relacionadas aos aspectos reprodutivos, foram coletados botões florais em diferentes estágios de desenvolvimento nas municipalidades de Sinop, Itaúba e Alta floresta, Mato Grosso, Brasil, os quais foram utilizados para estudo da palinologia, índice meiótico, citoquímica e viabilidade polínica. Para a investigação da diversidade genética foram realizadas reações de PCR com 15 primers ISSRs, a partir do DNA extraído de folhas jovens de 60 indivíduos de O. pyramidale, coletadas em três populações no município de Guarantã, Mato Grosso. Os resultados demonstram que os pólens de O. pyramidale são do tipo suboblato, triporados, muito grandes, possuem área polar grande e sexina com ornamentação reticulada. A espécie apresenta alta taxa de viabilidade polínica, índice meiótico regular e possui amido e lipídio como substâncias de reserva no pólen. Os primers ISSRs amplificaram um total de 111 locos, sendo 97,3% polimórficos. Os valores de dissimilaridade genética obtidos a partir do complemento do índice de Jaccard variaram de 0,17 a 0,79, não evidenciando indivíduos idênticos em termos genéticos. A diversidade genética de Nei (0,32) e de Shannon (0,48) para a espécie são indicativos de que há diversidade genética entre os 60 indivíduos estudados. A AMOVA revelou que 71% da variação genética total encontram-se dentro de populações enquanto 29% entre as populações avaliadas. Os marcadores moleculares ISSRs foram eficientes para análise da diversidade genética dos 60 indivíduos de O. pyramidale, sendo considerados fontes promissoras de recursos genéticos para seleção e uso em programas de melhoramento. O estudo possibilitou a ampliação dos conhecimentos sobre os aspectos reprodutivos e a diversidade genética de O. pyramidale informações úteis tanto para conservação quanto para programas de melhoramento genético.


  • Mostrar Abstract
  • The balsa tree (Ochroma pyramidale Cav. ex Lam. Urb) belongs to the Malvaceae family, and is a perennial tree species which is native to South and Central America. The species is widely used in the recovery of degraded areas and its harvesting has proved to be a productive activity of economic value for the production of low density wood. However, knowledge regarding the reproductive aspects and genetic diversity of this species is scarce. Therefore, this study aimed to analyze aspects of reproductive biology and evaluate the genetic diversity of populations of O. pyramidale cultivated in the state of Mato Grosso, Brazil. For analyses related to reproductive aspects, flower buds at different stages of development were collected in the municipalities of Sinop, Itaúba and Alta Floresta, Mato Grosso, and were used to study palynology, meiotic index, cytochemistry and pollen viability. For the genetic diversity investigation, PCR reactions were performed with 15 ISSR primers, using DNA extracted from young leaves of 60 individuals of O. pyramidale, which were collected from three populations in the municipality of Guarantã, Mato Grosso. The results demonstrate that the pollens of O. pyramidale are of the suboblat type, triporate, large, have a large polar area and sexine with reticulated ornamentation. The species has a high percentage of viable pollen, regular meiotic index and has starch and lipid as storage substances in pollen. ISSR primers amplified a total of 111 loci, of which 97.3% were polymorphic. The values of genetic dissimilarity obtained from the complement of the Jaccard index ranged from 0.17 to 0.79, not showing identical individuals in genetic terms. The genetic diversity of Nei (0.32) and Shannon Index (0.48) for the species is indicative that there is genetic diversity among the 60 individuals studied. AMOVA revealed that 71% of the total genetic variation is found in populations while 29% among the evaluated populations. The ISSR molecular markers were efficient in analyzing the genetic diversity of the 60 individuals of O. pyramidale, and can be considered promising sources of genetic resources for selection and use in breeding programs. Furthermore, the study enabled the expansion of knowledge regarding the reproductive aspects and the genetic diversity of O. pyramidale, which is useful information both for conservation of this species, as well as for breeding programs.

5
  • JOÃO VITOR DA SILVA ALVES
  • Indução de resistência a Colletotrichum sp. em Heliconia psittacorum x sparthocircinata cv. Golden Torch cultivada em ambiente sombreado e pleno sol.

  • Orientador : DEJANIA VIEIRA DE ARAUJO
  • Data: 28/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • A floricultura tropical é uma atividade que está em ascensão no Brasil, o setor de produção e comercialização de ornamentais apresentou crescimento contínuo nos últimos anos. O gênero Heliconia único pertencente à família Heliconiaceae, apresenta destaque nesse ramo por conter brácteas em diversas formas e cores. O estado de Mato Grosso apresenta clima favorável para o cultivo a pleno sol ou meia sombra e também propicia inúmeras doenças, entre elas a antracnose, causada por espécies do gênero Colletotrichum os quais interferem na produção, no desenvolvimento e na qualidade dessa cultura. Neste sentido, a finalidade deste estudo é induzir resistência no controle do Colletotrichum sp. em genótipo de Heliconia psittacorum x spathocircinata cv. Golden Torch do Banco Ativo de Germoplasma de Flores Tropicais da Universidade do Estado de Mato Grosso Carlos Alberto Reyes Maldonado. Foi selecionado o genótipo de Heliconia psittacorum x spathocircinata cv. Golden Torch, cultivado a pleno sol e meia sombra. Foram utilizados dois indutores de resistência usados em conjunto, um indutor biótico Bacillus subtilis e um abiótico o produto Acibenzolar-s-metílico (ASM).Na avaliação foram observadas severidade da doença, assim como a análise da peroxidase e β-1,3- glucanase. Os indutores reduziram a severidade da doença em ambas às condições de cultivo, sendo as plantas em sombreamento as que tiveram maior redução da severidade. Houve aumento na produção de peroxidase e β-1,3- glucanase. Nas folhas e inflorescências de Heliconia psittacorum cv. Golden Torch do sombreado foi observado maior ativação de peroxidase quando comparadas com as plantas do pleno sol. A atividade de β-1,3- glucanase foi verificada em todas as plantas independente da condição de cultivo, tendo destaque as folhas cultivadas a meia sombra onde apresentaram ativação durante todos os dias de análise.


  • Mostrar Abstract
  • Tropical floriculture is an activity that is on the rise in Brazil, the sector of production and marketing of ornamentals has shown continuous growth in recent years. The unique Heliconia genus belonging to the Heliconiaceae family, stands out in this branch for containing bracts in different shapes and colors. The state of Mato Grosso has a favorable climate for cultivation in full sun or half shade and also provides numerous diseases, including anthracnose, caused by species of the genus Colletotrichum which interfere in the production, development and quality of this culture. In this sense, the purpose of this study is to induce resistance in the control of Colletotrichum sp. in Heliconia psittacorum x spathocircinata cv. Golden Torch of the Active Germplasm Bank of Tropical Flowers at the State University of Mato Grosso Carlos Alberto Reyes Maldonado. Heliconia psittacorum x spathocircinata cv. Golden Torch, grown in full sun and half shade. Two resistance inducers used together, a biotic inductor Bacillus subtilis and an abiotic, the product Acibenzolar-s-methyl (ASM), were used. In the evaluation, severity of the disease was observed, as well as the analysis of peroxidase and β-1,3-glucanase. The inducers reduced the severity of the disease in both cultivation conditions, with shading plants having the greatest reduction in severity. There was an increase in the production of peroxidase and β-1,3-glucanase. In the leaves and inflorescences of Heliconia psittacorum cv. Golden Torch of shading showed greater peroxidase activation when compared to plants in full sun. The activity of β-1,3-glucanase was verified in all plants regardless of the cultivation condition, with emphasis on the leaves grown in half shade where they showed activation during all the days of analysis.

6
  • LIDIANE RENATA ZOCAL DOS SANTOS
  • IDENTIFICAÇÃO DE FONTES DE RESISTÊNCIA DO FEIJÃO COMUM AO FUNGO  Sclerotinia sclerotiorum (Lib.) de Bary

  • Orientador : THIAGO ALEXANDRE SANTANA GILIO
  • Data: 28/02/2020

  • Mostrar Resumo
  • O feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) é de grande importância na alimentação mundial devido ao seu baixo custo e qualidade nutricional. Diversos fatores limitam a produção da cultura, destacando-se a ocorrência de doenças, como é o caso do mofo branco, causado pelo fungo Sclerotinia sclerotiorum (Lib.) de Bary. Entre os métodos de controle mais indicados, e que proporcionam maior economia e menores riscos ao meio ambiente, está o uso de cultivares resistentes. No entanto para que isso ocorra fontes de resistência do feijão comum à S. sclerotiorum precisam ser identificadas, para serem utilizadas como doadores em programas de melhoramento de feijão comum. Sendo assim, este trabalho teve como objetivo a identificação de fontes de resistência ao mofo branco entre cultivares de feijão comum de origem andina e mesoamericana. Para isso foram fenotipados 109 genótipos de feijão comum de origem Andina e Mesoamericana quanto a resistência/suscetibilidade ao mofo branco. O experimento foi realizado na Universidade do Estado de Mato Grosso, campus Cáceres e no Laboratório de Recursos Genéticos e Biotecnologia. Os 109 genótipos foram semeados em casa de vegetação e as inoculações foram conduzidas em laboratório, no Delineamento em Blocos Casualizados (DBC) com 109 tratamento e seis repetições.  Para inoculação foi utilizado o isolado UFV-Ss493. Para o método de inoculação foram utilizados plantas com o primeiro trifólio expandido, realizando corte na haste e colocando um disco de micélio sobre o ferimento. Foram analisadas a relação entre planta sadia e doente as notas e a Área Abaixo da Curva de Progresso da Doença (AACPD). As diferenças entre as médias dos genótipos para às características avaliadas foram significativas (P≤0,01). Os genótipos BGF 13, BGF 165, BGF 76 e o BGF 11, tiveram as menores médias genotípica quando comparado aos demais para a três características relacionadas a resistência do feijão comum ao mofo Branco analisadas neste trabalho, sendo assim considerados resistentes em relação aos demais. Sendo assim estes genótipos podem ser considerados como fonte de resistência para o patógeno causador do mofo branco em programas de melhoramento de feijão comum.


  • Mostrar Abstract
  • Common beans (Phaseolus vulgaris L.) are of great importance in the global diet due to their low cost and nutritional quality. Several factors limit the production of the crop, especially the disease called white mold, caused by the phytopathogen Sclerotinia sclerotiorum (Lib.) De Bary. Among the most suitable control methods, which offer greater savings and less risk to the environment, is the use of resistant cultivars, through genetic resistance. Thus, this study aimed to identify sources of resistance to white mold among common bean cultivars of Andean and Mesoamerican origin. The experiment was carried out in a greenhouse and in a laboratory in a Randomized Block Design (DBC) with six replications and two inoculation methods, the straw test straw inoculation method, with 109 genotypes. The experiment was carried out at the State University of Mato Grosso, Cáceres and at the Laboratory of Genetic Resources and Biotechnology also in Caceres, Mato Grosso, between the months of March and May 2019. It was used by UFV-Ss493, grown in BDA (Potato Dextrose Agar) poured into 90 x 30 mm Petri dishes, stored in the BOD chamber (Bioclimatic Oxygen Demand) with a temperature of 23 ° C and a photoperiod of 12 hours. The inoculation method can consist of inoculated plants 21 to 28 days after planting, cutting with sterile scalpel at the point of growth of the plant below the second well-developed trefoil. While the seedling test uses plants for 15-day inoculation, cutting with a sterilized scalpel at the point of growth of the main stem of the plant below the first trefoil and displaying a mycelium disk followed by the protection of a 200 ul bridge. Variables of lesion length and scores were observed every two days. There was a significant difference in all variables, such as the cannula inoculation method and the cannula inoculation method. The genotypes BGF 205, BGF 203, BGF 200 and BGF 67 were considered the most resident when compared to the other bean materials used in this work. Therefore, these genotypes can be considered as a source of resistance to the pathogen that causes white mold in the improvement protocols of common beans.

7
  • DHIELIDA TORQUATO DOS SANTOS
  • Dissimilaridade genética mediante análises químicas e teor de óleo de Carthamus tinctorius L.

  • Orientador : MARCO ANTONIO APARECIDO BARELLI
  • Data: 04/03/2020

  • Mostrar Resumo
  • A cultura do cártamo vem se destacando por apresentar excelente qualidade e alto teor de óleo em suas sementes, podendo ser empregado nas industrias com diversas finalidades, como para alimentos e fármacos ou para a produção de energia via biodiesel. O Brasil é um grande produtor de biodiesel e possui condições edafoclimáticas favoráveis para o cultivo do cártamo. Por ser uma planta tolerante a seca e apresentar resistência ao déficit hídrico seu cultivo pode ser indicado em condições com umidade reduzida como no período de segunda safra para a região Centro Oeste do Brasil. Diante do exposto, este trabalho teve como objetivo avaliar 122 genótipos de cártamo oriundos do Banco Ativo de Germoplasma (BAG) do Instituto Mato-Grossense do Algodão (IMA-MT), com base no teor e análises químicas de óleo, a fim de identificar acessos com características superiores em relação ao óleo, por meio de análise multivariada, visando a ampliação de informações dessa cultura. As características analisadas foram: teor de óleo; índice de acidez; índice de iodo e índice de saponificação. Os dados foram submetidos à análise de variância e a análise multivariada com base na distância generalizada de Mahalanobis para estimar a divergência genética, onde se empregou o método de agrupamento de Tocher, UPGMA, variáveis canônicas e importância relativa dos caracteres. Os resultados indicaram diferenças significativas (p < 0,01) para todas as variáveis analisadas, evidenciando a existência de variabilidade genética entre os genótipos de cártamo. Os genótipos PI 369845 e PI 401589, apresentaram maior divergência genética (= 946.00), e os agrupamentos gerados pelo método de otimização de Tocher, UPGMA e dispersão gráfica demostraram semelhanças no agrupamento dos genótipos. As duas primeiras variáveis canônicas foram suficientes para explicar 90,87% da variação total e, as variáveis teor de óleo e índice de acidez obtiveram a maior contribuição para a divergência genética demonstrando que entre os 122 acessos avaliados existe ampla divergência genética.


  • Mostrar Abstract
  • The safflower culture has stood out for presenting excellent quality and high oil content in its seeds, which can be used in industries with different purposes, such as for food and pharmaceuticals or for the production of energy by biodiesel. Brazil is an important producer of biodiesel and has favorable edaphoclimatic conditions for the cultivation of safflower. As it is a drought-tolerant plant and presents resistance to water deficit, its cultivation can be indicated in conditions with reduced humidity, such as in the second harvest period for the Midwest region of Brazil. In view of the above, this study aimed to evaluate 122 safflower genotypes from the Germoplasm Active Bank (BAG) of the Instituto Mato-Grossense do Algodão (IMA-MT), based on the oil content and chemical analyzes, in order to identify accesses with superior characteristics in relation to oil, by means of multivariate analysis, aiming to expand information on this culture. The characteristics analyzed were: oil content; acidity level; iodine index and saponification index. The data were subjected to analysis of variance and multivariate analysis based on the generalized Mahalanobis distance to estimate genetic divergence, using the Tocher grouping method, UPGMA, canonical variables and relative importance of the characters. The results indicated significant differences (p <0.01) for all variables analyzed, showing the existence of genetic variability between safflower genotypes. The genotypes PI 369845 and PI 401589 showed greater genetic divergence (= 946.00), and the clusters generated by the method of Tocher's optimization, UPGMA and graphic dispersion showed similarities in the clusters of genotypes. The first two canonical variables were sufficient to explain 90.87% of the total variation and the variables oil content and acidity level obtained the greatest contribution to genetic divergence, demonstrating that among the 122 accessions evaluated there is wide genetic divergence.

8
  • LEILA PEREIRA NEVES RAMOS
  • Comportamento do ciclo celular de Allium cepa L. submetidos a infusões foliares de diferentes espécies do Gênero Inga Mill (Fabaceae): um enfoque Biológico e didático

  • Orientador : ISANE VERA KARSBURG
  • Data: 05/03/2020

  • Mostrar Resumo
  • A aprendizagem se torna mais cativante à medida que o novo conteúdo é incorporado às estruturas de conhecimento no cotidiano escolar dos alunos. Com isso, adquirem significados para os estudos a partir da relação com o conhecimento na prática. O gênero Inga apresenta uma grande diversidade de espécies, conhecidas em média 300 espécies do gênero Neotropical, possuindo grande diversidade na Floresta Amazônica. Este trabalho teve como objetivo, uma aula prática sobre a divisão celular (Mitose), com a visualização e identificação das células vegetais de Allium cepa pelos alunos do 2º ano do ensino médio e Comportamento do ciclo celular de Allium cepa L. mediante o potencial citotóxico, genotóxico e antiproliferativo de infusões das folhas de Inga edulis, Inga pilosula, Inga laurina e Inga macrophylla. Para o estudo foi realizado aula teórica e prática com os alunos no laboratório Didático. Para as análises laboratoriais foram utilizados quatro espécies de plantas do gênero Inga.  O organismo teste utilizado foi bulbos de Allium cepa. As infusões foram obtidos a partir das folhas secas de Inga edulis, Inga pilosula, Inga laurina e Inga macrophylla coletados no período da seca e chuva. Com os resultados obtidos, verificou-se que, as aulas práticas são consideradas de grande importância no processo de ensino-aprendizagem. Ao ministrar a aula teórica e em seguida aplicar o questionário, obteve-se dados estatísticos abaixo de 60% de acertos na identificação das células mitóticas. No entanto, após a aula teórica e prática, e aplicando o mesmo questionário obteve-se um percentual estatístico acima de 80% de acertos na identificação das células mitóticas. De acordo com as análises das células de Allium cepa, mediante o Método Direto e Indireto para os dois período, expostas sob as infusões (1g, 1.5g 2g) das folhas secas de Inga edulis, Inga pilosula, Inga laurina e Inga macrophylla, obtiveram diferenças estatísticas consideráveis entre os dois Métodos. As espécies I. edulis, I. laurina e I. macrophylla mostraram-se com os maiores índices de divisão celular. No que se refere ao Índice de Anomalia (ÍA), o Método Indireto obteve os maiores índices de células anormais para ambas espécies. Para o Percentual de Interfase, o método Direto obteve os maiores percentuais de células interfásicas.  Esses dados ao ser comparado com os controles negativo e positivo, mostraram resultados percentuais inferior e superior, havendo diferença estatística entre os tratamentos.  Este estudo mostrou que as quatro espécies, apresentaram efeitos genotóxico e citotóxico sob as raízes de Allium cepa.


  • Mostrar Abstract
  • Learning becomes more captivating as new content is incorporated into knowledge structures in students' daily school life. With this, they acquire meanings for studies from the relationship with knowledge in practice. The Inga genus has a great diversity of species, known on average 300 species of the Neotropical genus, having great diversity in the Amazon Forest. This work had as objective, a practical class on the cell division (Mitosis), with the visualization and identification of the plant cells of Allium cepa by the students of the 2nd year of high school and Behavior of the cell cycle of Allium cepa L. through the cytotoxic potential , genotoxic and antiproliferative of infusions of leaves of Inga edulis, Inga pilosula, Inga laurina and Inga macrophylla. For the study, theoretical and practical classes were held with students in the Didactic laboratory. For laboratory analysis, four plant species of the genus Inga were used. The test organism used was Allium cepa bulbs. The infusions were obtained from the dry leaves of Inga edulis, Inga pilosula, Inga laurina and Inga macrophylla collected during the dry and rainy season.
    With the results obtained, it was found that practical classes are considered of great importance in the teaching-learning process. When teaching the theoretical class and then applying the questionnaire, statistical data was obtained below 60% of correct answers in the identification of mitotic cells. However, after the theoretical and practical class, and applying the same questionnaire, a statistical percentage above 80% of correct answers in the identification of mitotic cells was obtained. According to the analysis of Allium cepa cells, using the Direct and Indirect Method for both periods, exposed under the infusions (1g, 1.5g 2g) of the dried leaves of Inga edulis, Inga pilosula, Inga laurina and Inga macrophylla, obtained considerable statistical differences between the two Methods. The species I. edulis, I. laurina and I. macrophylla showed the highest rates of cell division. With regard to the Anomaly Index (ÍA), the Indirect Method obtained the highest rates of abnormal cells for both species. For the Interphase Percentage, the Direct method obtained the highest percentages of interphasic cells. These data, when compared with the negative and positive controls, showed lower and higher percentage results, with a statistical difference between treatments. This study showed that the four species, had genotoxic and cytotoxic effects under the roots of Allium cepa
9
  • MARCELO DIAS MACHADO
  • Regeneração in vitro, caracteres morfoagronômicos e enzimáticos de plantas triploides de Passiflora cincinnata Mast.

  • Orientador : MAURECILNE LEMES DA SILVA
  • Data: 05/03/2020

  • Mostrar Resumo
  • O objetivo geral do trabalho foi a produção in vitro a partir da embriogênese somática com o uso do endosperma, caracterização morfoagronômica e a avaliação do comportamento das plantas triploides na produção de enzimas de resistência em Passiflora cincinnata. Para a produção de plantas triploides via embriogênese somática utilizou-se endosperma maduro da semente de P. cincinnata. A maior média de produção de embriões somáticos foi observada no tratamento suplementado com 18,1 μM de 2,4-D + 4,5 μM de BA, com número médio de nove embriões por explante aos 30 dias de cultivo. Plântulas triploides regeneradas in vitro aos 45 dias foram cultivadas em casa de vegetação e o nível de ploidia confirmada com quantidade de DNA de 4,38 pg e número cromossômico 3n= 3x= 27 e os diploides com (2n= 2x= 18). O florescimento das plantas triploides ocorreu aos 210 de cultivo e apresentaram alta variabilidade na expressão fenotípica devido a variabilidade genética proporcionada pelo aumento na ploidia. Plantas diploides e triploides apresentaram polimorfismo (77%) nos descritores morfoagronômicos. As plantas triploides exibiram folhas heteromorfas, de tonalidades mais escura, predominantemente trilobadas com maior tamanho e largura. As flores foram maiores, mais escuras e intensas, com predominância de coloração roxa. A diversidade de flores encontradas nas plantas triploides, sete variações, sugere que a adição de ploidia provocou alterações na expressão dos genes e induziu a ocorrência de colorações fenotipicamente variadas das flores, melhorando os atributos ornamentais da espécie. O diâmetro interno e externo da cavidade da corona aumentou significativamente nas plantas triploides. Os frutos dos triploides tiveram menor largura e número de sementes/fruto e maior comprimento e espessura da casca em comparação ao diploide. Dados da análise polínica indicam que as espécies diploides e triploides apresentam alta taxa de viabilidade polínica, 98,21 e 97,82%, respectivamente. Foram observadas variações fisiológicas na produção das enzimas oxidativas (peroxidase e polifenoloxidase) e hidrolítica (β-1,3-glucanase) nas plantas triploides de P. cincinnata. O aumento da ploidia afetou significativamente a atividade das enzimas envolvidas na resistência de plantas. As rizobactérias promotoras de crescimento em plantas, A. brasilense B. subtilis, foram eficazes na ativação das enzimas relacionadas aos mecanismos de resistência e defesa vegetal nas plantas diploides e triploides. A. brasilense proporcionou os maiores valores na indução das atividades das enzimas peroxidase e polifenoloxidade e B. subtilis induziu maior atividade de β-1,3-glucanase. A capacidade de resposta aos mecanismos de defesa das plantas triploides produzidas in vitro com o uso do endosperma de Pcincinnata e a indução dos bioestimulantes na produção de enzimas de resistência, abrem novas abordagens no melhoramento genético para o gênero.


  • Mostrar Abstract
  • The general objective of the work was the in vitro production from somatic embryogenesis using the endosperm, morpho-agronomic characterization and evaluation of the behavior of triploid plants in the production of resistance enzymes in Passiflora cincinnata. For the production of triploid plants via somatic embryogenesis, mature endosperm from the seed of P. cincinnata is used. The highest average of somatic embryo production was observed in the supplementation treatment with 18.1 μM of 2.4-D + 4.5 μM of BA, with an average number of nine embryos per explant at 30 days of culture. Seedlings regenerated in vitro for 45 days were grown at home and a confirmed ploidy level with a DNA amount of 4.38 pg and chromosome number 3n = 3x = 27 and the respective diploids (2n = 2x = 18). The flowering of the triploid plants occurred at 210 of cultivation and showed high variability in phenotypic expression due to the genetic variability provided by the increase in ploidy. Diploid and triploid plants described polymorphism (77%) in the morpho-agronomic descriptors. As the triploid plants exhibit heteromorphic leaves, predominantly trilobed with larger size and darker tonal width. The flowers were bigger, darker and more intense, with a predominance of purple color. The diversity of flowers found in triple plants, seven changes, suggests that the addition of ploidy causes changes in the expression of genes and causes the occurrence of phenotypically variable colorings of flowers, improving the ornate patterns of the species. The internal and external diameter of the crown cavity increased in the triploid plants. The fruits of the triploids had smaller width and number of seeds/fruit and greater length and thickness of the peel compared to diploid. Pollen analysis data show that diploid and triploid species have high rates of pollen viability, 98.21 and 97.82%, respectively. Physiological changes in the production of oxidative (peroxidase and polyphenol oxidase) and hydrolytic (β-1,3-glucanase) enzymes were observed in the triploid plants of P. cincinnata. The increase in ploidy affected the activity of enzymes used in plant resistance. As plant growth-promoting rhizobacteria, A. brasilense and B. subtilis, were used in the activation of enzymes related to the resistance and plant defense mechanisms in diploid and triploid plants. A. brasilense provided the highest values of activity induction of the enzymes peroxidase and polyphenol oxity and B. subtilis induced greater activity of β-1,3-glucanases in P. cincinnata. The ability to respond to the defense mechanisms of triploid plants produced in vitro with the use of Pcincinnata endosperm and the induction of biostimulants in the production of resistance enzymes, opens new approaches in the genetic improvement for the genus.

10
  • BEATRIZ FERNANDA SILVA LIMA
  • Morfologia e germinação de sementes de espécies de Passiflora

  • Orientador : PETTERSON BAPTISTA DA LUZ
  • Data: 26/05/2020

  • Mostrar Resumo
  • Os objetivos desta pesquisa consistiram em superar a dormência de sementes de Passiflora alata e Passiflora cincinnata MAST. bem como avaliar a morfologia interna e externa das sementes de P. cincinnata pelo teste de raios-X e análise de imagem através software GroundEye®, visando relacionar a morfologia das sementes com seus respectivos estádios de maturação e, estabelecer o momento ideal de coleta de frutos, associando à qualidade das sementes. Para a superação de dormência, os tratamentos pré-germinativos foram: embebição em Fluridone® nas concentrações de 0,1; 10 e 100 µM, durante 12, 24 e 48 horas; embebição em Promalin® nas concentrações de 0,03; 0,45, 0,90 e 2%, durante 6 e 12 horas, para o P. alata e somente os tratamentos com Promalim® para o P. cincinnata. Os tratamentos foram distribuídos em DIC, com quatro repetições de 25 sementes. Avaliou-se a germinabilidade, tempo médio, índice de velocidade de germinação, incerteza e sincronia da germinação. Os resultados revelaram que em sementes de P. alata, Promalin® na concentração de 0,90% em 12 horas de embebição, garantiu melhores resultados de germinabilidade, tempo médio de germinação e índice de velocidade de germinação. Para sementes de P. cincinnata, o tratamento com Promalin® é eficaz na concentração de 2% por 6 horas, promovendo incremento na germinação e no índice de velocidade de germinação. Para a realização do teste de raios-X e da análise de imagem pelo software GroundEye® foram utilizadas quatro repetições de 50 sementes para cada estádio de maturação do fruto de P. cincinnata (verde, “de vez”, maduro e senescente). As sementes submetidas à exposição em raios–X foram classificadas em cheias ou vazias. Utilizou-se o equipamento GroundEye® para análise de imagem computadorizada, avaliando-se 15 descritores relacionados à dominância de cores e 7 de geometria. Posteriormente, as sementes foram avaliadas quanto à porcentagem de germinação. A partir do teste de raios-X verificou-se que não houve diferença estatística entre os estádios de maturação. Os resultados obtidos pelo software GroundEye® indicam diferenças de coloração e de geometria entre os estádios de maturação dos frutos. Conclui-se que as sementes de P. cincinnata podem ser coletadas de frutos nos estádios maduro e senescente sem prejuízo à qualidade fisiológica.


  • Mostrar Abstract
  • The objectives of this research were to overcome the dormancy of seeds of Passiflora alata and Passiflora cincinnata MAST. as well as to evaluate the internal and external morphology of P. cincinnata seeds by X-ray test and image analysis using GroundEye® software, aiming to relate the seed morphology to their respective maturation stages and to establish the ideal moment for collecting fruits, associating with the quality of the seeds. To overcome dormancy, the pre-germinative treatments were: imbibition in Fluridone® in concentrations of 0,1; 10 and 100 µM, for 12, 24 and 48 hours; soaking in Promalin® in concentrations of 0,03; 0,45, 0,90 and 2%, for 6 and 12 hours. The treatments were distributed in DIC, with four replications of 25 seeds. Germination, meantime, germination speed index, germination uncertainty and synchrony were evaluated. The results revealed that in seeds of P. alata, Promalin® at a concentration of 0,90% in 12 hours of imbibition, guaranteed better germination results, average germination time and germination speed index. For seeds of P. cincinnata, treatment with Promalin® is effective at a concentration of 2% for 6 hours, promoting an increase in germination and the rate of germination speed. To perform the X-ray test and image analysis using the GroundEye® software, four replications of 50 seeds were used for each stage of ripening of the fruit of P. cincinnata (green, “from time to time”, mature and senescent). The seeds submitted to X-ray exposure were classified as full or empty. GroundEye® equipment was used for computer image analysis, evaluating 15 descriptors related to color dominance and 7 geometry. Subsequently, the seeds were evaluated for germination percentage. From the X-ray test, it was found that there was no statistical difference between the maturation stages. The results obtained by the GroundEye® software indicate differences in color and geometry between the fruit ripening stages. It is concluded that the seeds of P. cincinnata can be collected from fruits in the mature and senescent stages without prejudice to the physiological quality.

11
  • JESSICA TAMARA LAET ABREU
  • CARACTERIZAÇÃO MORFOAGRONÔMICA E BIOLOGIA REPRODUTIVA DE BASTÃO DO IMPERADOR (Etlingera elatior) ZINGIBERACEAE

  • Orientador : CELICE ALEXANDRE SILVA
  • Data: 29/06/2020

  • Mostrar Resumo
  • As flores tropicais vêm despertando interesse comercial no Brasil em função da beleza, exotismo, variedade de cores e formas, resistência ao transporte, durabilidade e longevidade pós-colheita. No entanto, é necessário ampliar o conhecimento do potencial dessas plantas, pois existem muitas lacunas a respeito de seus sistemas de reprodução, produção, qualidade, produtividade e manejo pós-colheita. Nesse sentido, a finalidade deste estudo foi analisar a diversidade genética e a biologia reprodutiva de genótipos de Bastão de Imperador da espécie de Etlingera elatior. Com os objetivos de realizar a caracterização morfológica, diversidade genética, ciclos fenológicos, biologia floral, sistema reprodutivo e biologia dos polinizadores. As avaliações foram desenvolvidos a partir de genótipos do banco ativo de germoplasma de plantas tropicais ornamentais da Universidade do Estado de Mato Grosso, no município de Tangará da Serra, MT. Foram avaliados quatro cultivares de Etlingera elatior (vermelho, rosa, porcelana e branco) cultivados a pleno sol. O primeiro capítulo realizou se a  caracterização morfológica e divergência genética entre os anos de 2018 e 2019. As características morfológicas quantitativas com potencial ornamental e comercial foram: comprimento da haste da inflorescência (CHI), diâmetro (DI), e comprimento da inflorescência (CI). A cultivar Rosa obteve a maior inflorescência. A cultivar de Vermelho obteve as maiores peças florais. No segundo capítulo foi realizado estudo da biologia reprodutiva das quatro cultivares de Etlingera elatior. Os acessos apresentaram antese floral entre 06:00 a 20:00 hs., A cultivar bastão de imperador Rosa obteve a maior variação de angulação de movimento de estamesentre 30º a 60º. O pico de viabilidade polínica às 12:00 hs entre as cultivares,  a maior receptividade estigmática ocorreu apartir das 16:00 hs em 100% para as cultivares (Vermelho, Rosa e Porcelana) e  80% para cultivar (Branca). O volume médio de néctar produzido pelas cultivares, durante todo o período da antese foi de 18,8 ± 0, 42µL, com  média de concentração de açúcar de 7,95% ± 0,55 %. Analise do sistema reprodutivo resultou frutificação somente em polinização aberta. Os visitantes florais frequentes foram registrados, abelhas, borboletas e beija-flores em todas as cultivares de Etlingera elatior.


  • Mostrar Abstract
  • GENETIC DIVERSITY AND REPRODUCTIVE BIOLOGY OF EMPEROR STICK (Etlingera elatior) ZINGIBERACEAE

12
  • LIVIA SOUZA DOMINGOS NASCIMENTO
  • Biometria e superação de dormência de sementes de espécies silvestres de Passiflora

  • Orientador : PETTERSON BAPTISTA DA LUZ
  • Data: 17/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • Na cultura do maracujazeiro, as sementes são consideradas a principal forma de propagação, as espécies de maracujazeiros além de possuírem sementes com aspectos biométricos distintos, apresentam também diferentes mecanismos de dormência. Para o seguinte trabalho foram utilizados sementes das espécies Passiflora eichleriana, Passiflora nítida e Passiflora mucronata, submetidas a análise biométrica onde dados foram submetidos a análise estatística descritiva para determinação da media (M), mediana (MD), curtose (K), desvio padrão (DV), coeficiente de variação (CV), valor máximo (MÁX) e mínimo (MÍN) e amplitude dos dados (AMP), e após as análises biométricas foram submetidas a teste de germinação após tratamentos para superação de dormência, obtendo-se a porcentagem de germinação (%), velocidade média de germinação (VMG) e tempo médio de germinação (TMG). Com a análise biométrica dos dados, podemos concluir que as sementes das espécies analisadas apresentam variação em altura, comprimento e espessura, não só dentro das espécies, mas quando comparamos com as outras espécies do mesmo gênero. Na superação da dormência, observa-se que para a espécie P. nítida a maior porcentagem de germinação foram verificadas nos tratamentos com dosagens de GA3: 2000 mg L-1, 3000 mg L-1, 4000 mg L-1 durante 6 horas de embebição e 4000 mg L-1 durante 12 horas de embebição, e também nos tratamentos com dosagens de 4500 mg L-1 e 9000 mg L-1 de Promalin® durante 12 horas de embebição. Para P. eichleriana as sementes apresentaram maiores porcentagens de germinação nos tratamentos de embebição em solução de 9000 mg L-1 de Promalin® durante 6 horas de embebição e 4500 mg L-1 e 9000 mg L-1 de Promalin® durante 12 horas de embebição. Para a espécie P. mucronata observa-se que os tratamentos 4500 mg L-1 e 9000 mg L-1 de Promalin® durante 12 horas de embebição e 2000 mg L-1, 3000 mg L-1, 4000 mg L-1 durante 6 horas de embebição e 4000 mg L-1 durante 12 horas de embebição apresentam melhores porcentagens de germinação.


  • Mostrar Abstract
  • In the culture of passion fruit, seeds are considered the main form of propagation, the species of passion fruit besides having seeds with different biometric aspects, also have different dormancy mechanisms. For the following work seeds of the Passiflora eichleriana, Passiflora nitida and Passiflora mucronata species were used, submitted to biometric analysis where data were submitted to descriptive statistical analysis to determine the mean (M), median (MD), kurtosis (K), standard deviation (DV), coefficient of variation (CV), maximum (MAX) and minimum (MIN) and data amplitude (AMP), and after biometric analyzes were submitted to germination test after treatments to overcome dormancy, obtaining the germination percentage (%), average germination speed (VMG) and average germination time (TMG). With the biometric analysis of the data, we can conclude that the seeds of the analyzed species vary in height, length and thickness, not only within the species, but when compared with other species of the same genus. In overcoming dormancy, it was observed that for the P. crisp species the highest percentage of germination was observed in the treatments with GA3 dosages: 2000 mg L-1, 3000 mg L-1, 4000 mg L-1 during 6 hours of soaking and 4000 mg L-1 during 12 hours of soaking, and also in treatments with dosages of 4500 mg L-1 and 9000 mg L-1 of Promalin® during 12 hours of soaking. For P. eichleriana, the seeds showed higher germination percentages in the soaking treatments in 9000 mg L-1 solution of Promalin® during 6 hours of soaking and 4500 mg L-1 and 9000 mg L-1 of Promalin® during 12 hours of soaking. For the species P. mucronata it is observed that the treatments 4500 mg L-1 and 9000 mg L-1 of Promalin® during 12 hours of imbibition and 2000 mg L-1, 3000 mg L-1, 4000 mg L-1 during 6 hours of soaking and 4000 mg L-1 for 12 hours of soaking show better germination percentages.

13
  • ANNE STHEPHANE ARROLHO SILVA CORREA
  • DIVERSIDADE GENÉTICA DE Parkia pendula (Willd.) Benth. Ex Walp.NO NORTE DO ESTADO DE MATO GROSSO

  • Orientador : PETTERSON BAPTISTA DA LUZ
  • Data: 17/12/2020

  • Mostrar Resumo
  • Parkia pendula (Will.) Benth. ex Walp., popularmente conhecida como Angelim Saia, é uma espécie nativa da floresta de terra firme e várzea da Amazônia, muito importante para recuperação de áreas degradadas, devido seu rápido crescimento e por apresentar elevada taxa de sobrevivência em clareiras. Possui função ecológica na recuperação de áreas degradadas por ser uma espécie climática de rápido crescimento em ambientes abertos, pela fixação de nitrogênio e por atrair animais silvestres. A exploração inadequada dos recursos naturais vem provocando a extinção de um grande número de espécies nos diferentes biomas do planeta. Entre as várias causas dessas extinções, as mais comuns são a perda e a fragmentação de habitats. Em virtude de tal realidade, existe uma necessidade urgente de estudos genéticos em nível populacional, para que então possam ser estabelecidas estratégias de manejo e conservação genética das espécies. Estudos biométricos auxiliam a determinação de diferentes parâmetros fenotípicos entre indivíduos de uma população, e constituem instrumentos importantes na detecção da  variabilidade genética em populações de uma mesma espécie e também na inferência das relações da variabilidade com fatores ambientais. Sendo assim, este capítulo teve como objetivo caracterizar a biometria de frutos e sementes da espécie florestal Parkia pendula de diferentes matrizes do Norte do Estado do Mato Grosso e avaliar a divergência genética entre as matrizes, para a obtenção de dados que sirvam de subsídio a futuras pesquisas referentes à conservação da espécie.


  • Mostrar Abstract
  • Parkia pendula (Will.) Benth. ex Walp., popularly known as Angelim Saia, is a native species of the Amazonian upland and lowland forest, very important for the recovery of degraded areas, due to its rapid growth and for having a high survival rate in clearings. It has an ecological function in the recovery of degraded areas because it is a rapidly growing climatic species in open environments, by nitrogen fixation and by attracting wild animals. The inadequate exploitation of natural resources has been causing the extinction of a large number of species in the different biomes of the planet. Among the various causes of these extinctions, the most common are habitat loss and fragmentation. In view of this reality, there is an urgent need for genetic studies at the population level, so that strategies for managing and conserving genetic species can be established. Biometric studies help to determine different phenotypic parameters among individuals in a population, and are important instruments in the detection of genetic variability in populations of the same species and also in the inference of the relationships between variability and environmental factors. Therefore, this chapter aimed to characterize the biometry of fruits and seeds of the Parkia pendula forest species from different matrices in the North of the State of Mato Grosso and to evaluate the genetic divergence between the matrices, in order to obtain data to serve as a subsidy for future research related to the conservation of the species.

SIGAA | Tecnologia da Informação da Unemat - TIU - (65) 3221-0000 | Copyright © 2006-2022 - UNEMAT - sig-application-03.applications.sig.oraclevcn.com.srv3inst1