Banca de DEFESA: FERNANDO JESUS DA SILVA

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : FERNANDO JESUS DA SILVA
DATA : 16/12/2021
HORA: 08:00
LOCAL: Google Meet
TÍTULO:

O CONTATO LINGUÍSTICO ENTRE O PORTUGUÊS E O ESPANHOL NA FRONTEIRA BRASIL-BOLÍVIA: UM ESTUDO SOBRE VARIAÇÃO LEXICAL

 

 

 

 

 

 

 

 

 


PALAVRAS-CHAVES:

Sociolinguística; Contato linguístico; Fronteira; Léxico.


PÁGINAS: 205
RESUMO:

Esta tese está inscrita dentro da linha de pesquisa “Estudo de Processos de Variação e Mudança” do Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Linguística da Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT) que tem como objetivo analisar os efeitos do contato linguístico entre o espanhol e o português na fronteira Brasil/Bolívia sobre o léxico dos moradores de San Matias e Cáceres. Assim, buscou-se por meio da Sociolinguística de Contato (SAVEDRA, 2021; LABOV, 1972), da Dialetologia Pluridimensional e Relacional (THUN, 1998) e de outras áreas do conhecimento relacionar características espaciais com variáveis sociais para demonstrar a variação lexical no espaço fronteiriço pesquisado. A área de abrangência da pesquisa contemplou 04 pontos de inquéritos para fins comparativos, a saber: ponto 01 (zona urbana de San Matias), ponto 02 (San Juan de Corralito), ponto 03 (Corixa) ponto 04 (zona urbana de Cáceres). A metodologia empregada pautou-se nos princípios teórico-metodológicos da Geolinguística Pluridimensional (THUN, 1998), que possibilitou evidenciar a variabilidade lexical no espaço fronteiriço e os elementos condicionantes. Para as entrevistas, foram utilizados dois questionários: a Ficha do Informante com questões sobre atitudes linguísticas e o Questionário Semântico-Lexical (QSL) baseado no modelo do Projeto Atlas Linguístico do Brasil (ALiB). Ao todo foram entrevistados 24 (vinte e quatro) informantes entre brasileiros e bolivianos, contemplando as dimensões diatópica, diastrática, diagenérica e diageracional. A produção das análises ocorreu a partir do tratamento dos dados no software SGVCLIN (ROMANO et al, 2014), correlacionando aspecEtos quantitativos e qualitativos para cada carta linguística. Os resultados obtidos apontam para a influência cultural, social, econômica, política e linguística do Brasil sobre a fronteira, alcançando a zona urbana e rural de San Matias.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 80737005 - JOCINEIDE MACEDO KARIM
Interno - 127.949.268-61 - ANTONIO CARLOS SANTANA DE SOUZA - UNEMAT
Interno - 801.692.529-49 - DIRCEL APARECIDA KAILER - UNESP
Externo à Instituição - MARIA MATESANZ DEL BARRIO - UCMADRID
Externo à Instituição - MÔNICA MARIA GUIMARÃES SAVEDRA - UFF
Notícia cadastrada em: 24/11/2021 14:10
SIGAA | Tecnologia da Informação da Unemat - TIU - (65) 3221-0000 | Copyright © 2006-2022 - UNEMAT - sig-application-01.applications.sig.oraclevcn.com.srv1inst1