Banca de QUALIFICAÇÃO: CARLA PATRÍCIA ARAÚJO CHAVES

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : CARLA PATRÍCIA ARAÚJO CHAVES
DATA : 08/03/2022
HORA: 08:30
LOCAL: Sala virtual GoogleMeet
TÍTULO:

O SABER/FAZER DO FEIRANTE: ETNOMATEMÁTICA E EMPREENDEDORISMO FAMILIAR


PALAVRAS-CHAVES:

Espaços socioeducativos; Saberes culturais; Feira do produtor; Etnografia.


PÁGINAS: 110
RESUMO:

O espaço da feira livre é de suma importância para a sobrevivênvia da uma população, devido a comercialização de produtos do cultivo da terra, bem como para prevalência do empreendedorismo familiar, favorecendo a socialização das culturas e saberes compartilhados com a população. Entretanto, a valorização do trabalho desenvolvido pelos feirantes é pouco convencional dentre as populações urbanas. Pensando nisso, este estudo visa descrever com densidade os saberes históricos e atuais produzidos na Feira do Produtor Rural de Tangará da Serra – MT e as contribuições na cultura do município, relacionando as experiências dos filhos dos feirantes para produção de significados na vida escolar do aluno que estuda em escola urbana e auxiliam a família na comercialização em feiras. No universo do conhecimento, sabe-se que na feira se pratica saberes, enquanto que na escola há a teorização dos conhecimentos, nessas condições, levantamos o problema: A experiência do aluno que vivência o empreendedorismo familiar no saber/fazer do feirante, é considerado e investigado, em sala de aula, como conhecimentos essenciais à valorização desta cultura? A agricultura familiar e comercialização em feiras estiveram presentes, em minha vida, hoje, como professora, vejo nos alunos que vivenciam essa experiência (LARROSA, 2009), (SEVERINO-FILHO, 2015), e estudam em uma escola urbana, a não socialização dos saberes etnomatemáticos (D’AMBRÓSIO, 1990, 2005, 2018, 2020), isso devido a não aprenderem teorizar a matemática ensinada na escola (CARRAHER, 2011). A base metodológica é a pesquisa qualitativa, versando da etnografia (GEERTZ, 2008, 2014, 2018) para análise e tratamento das informações. A produção das informações fora in loco, no espaço socioeducativo (SILVA E SEVERINO-FILHO, 2017), da feira do Produtor Rural da cidade, observando o contexto nos quais esses indivíduos se envolvem, analisando os saberes, as contribuições na valorização da cultura e no ensino e a aprendizagem da matemática.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 45557013 - JOÃO SEVERINO FILHO
Interno - 37106002 - MARCOS FRANCISCO BORGES
Externo à Instituição - MARCOS LÜBECK - UNIOESTE
Notícia cadastrada em: 09/02/2022 09:07
SIGAA | Tecnologia da Informação da Unemat - TIU - (65) 3221-0000 | Copyright © 2006-2022 - UNEMAT - sig-application-01.applications.sig.oraclevcn.com.srv1inst1