Banca de DEFESA: LUANA MARQUES CAMPOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LUANA MARQUES CAMPOS
DATA : 11/05/2021
HORA: 08:00
LOCAL: Vídeo conferência
TÍTULO:

ATRIBUTOS QUÍMICOS E FRAÇÕES DE FÓSFORO EM SOLOS AMAZÔNICOS CULTIVADOS COM PASTAGENS DE DIFERENTES IDADES


PALAVRAS-CHAVES:

Fracionamento químico de fósforo, dinâmica entre nutrientes, Amazônia Meridional, pastagem na Amazônia.


PÁGINAS: 60
RESUMO:

O processo de abertura e transformação de áreas de floresta em pastagens plantadas, modifica a dinâmica do ambiente, altera a ciclagem e disponibilidade de nutrientes, sendo o P um dos elementos mais afetados. Dessa forma, objetivou-se verificar as alterações nos atributos químicos do solo e nas frações de P em solos amazônicos cultivados com pastagens não adubadas e com diferentes tempos de abertura em relação a uma área de floresta nativa. O estudo foi realizado em um LATOSSOLO VERMELHO Distrófico (LVd) e um ARGISSOLO VERMELHO-AMARELO Distrófico (PVAd). Esta pesquisa trata de um estudo observacional onde 6 áreas foram estudadas e as variáveis foram os atributos químicos do solo e as frações de fósforo em duas profundidades (00-10 e 10-20 cm). As parcelas consistiram nas áreas de pastagem de diferentes idades, sendo em Nova Guarita, MT, as áreas de pastagens de 15 e 30 anos e floresta nativa adjacente; em Alta Floresta, MT, as áreas de pastagens de 20 e 35 anos e floresta nativa adjacente. Dentro de cada parcela separou-se 4 unidades experimentais, com dimensões de 10x50 m. Dentro de cada unidade experimental foi realizada a coleta de dez amostras simples aleatórias de solo nas camadas de 00-10 e 10-20 cm. Houve efeito do tempo de abertura das áreas sobre os atributos químicos e frações de fósforo para o LVd e PVAd. Os teores de nutrientes reduziram nas áreas de pastagens estudadas, em ambos os solos, com exceção dos teores de Ca e Mg na área de pastagem de 35 anos, fato que pode estar associado a suplementação animal. As frações de fósforo consideradas lábeis diminuíram e as frações não-lábeis aumentaram em ambos os solos das áreas de pastagens, conforme o aumento no tempo de abertura. O avanço do tempo de uso do solo influenciou significativamente os atributos químicos e as formas de fósforo no solo nas áreas de pastagens em comparação com as áreas de floresta nativa.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 210865003 - GUSTAVO CAIONE
Interno - 117000004 - MARCO ANTONIO CAMILLO DE CARVALHO
Externo à Instituição - PAULO SÉRGIO PAVINATO - USP
Notícia cadastrada em: 12/05/2021 08:46
SIGAA | Tecnologia da Informação da Unemat - TIU - (65) 3221-0000 | Copyright © 2006-2022 - UNEMAT - sig-application-01.applications.sig.oraclevcn.com.srv1inst1