Banca de QUALIFICAÇÃO: MATHEUS SERGIO LUBIAN

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MATHEUS SERGIO LUBIAN
DATA : 04/12/2020
HORA: 14:00
LOCAL: Ambiente Virtual
TÍTULO:

AGROBIODIVERSIDADE, FENOLOGIA E DIVERGÊNCIA GENÉTICA DE VARIEDADES TRADICIONAIS DE Arachis hypogaea L. NO MUNICÍPIO DE ALTA FLORESTA - MT


PALAVRAS-CHAVES:

recursos genéticos, variabilidade, variedades crioulas, etnovariedades, melhoramento genético.


PÁGINAS: 90
RESUMO:

O amendoim (Arachis hypogaea L.) pertence à família Fabaceae, a mesma de outras culturas conhecidas como o feijão, a soja, a lentilha e ervilha. Seu gênero, Arachis, abriga mais de 80 espécies, algumas com importância econômica, para o consumo humano, ornamentação ou forragem. Essa cultura é muito importante para a alimentação humana, muito presente na agricultura familiar, sendo uma das oleaginosas mais cultivadas do mundo. O objetivo do estudo foi realizar um levantamento das variedades tradicionais de A. hypogaea cultivadas por agricultores do município de Alta Floresta, Mato Grosso, e avaliar a diversidade genética por meio de atributos fenológicos e descritores morfoagronômicos. Foram avaliadas oito variedades de amendoim tradicionais coletadas em comunidades rurais do interior do município. O experimento foi conduzido no mesmo município, e avaliou a diversidade genética das variedades por meio de descritores vegetativos, de frutos e sementes, além da fenologia vegetativa e reprodutiva. Os dados obtidos nas entrevistas com os produtores entrevistados, bem como os atributos fenológicos e os descritores morfoagronômicos qualitativos foram submetidos à estatística descritiva. Os dados dos descritores morfoagronômicos quantitativos foram submetidos à análise de variância e comparação de médias. Foram entrevistados dez produtores, todos do sexo masculino, com idades entre 50 e 84 anos, 20% deles aposentados. Possuem entre 2 e 50 anos de experiência com a cultura, e 80% deles afirmaram que suas sementes são oriundas do Mato Grosso. Suas sementes são armazenadas com vagem, em sacos de nylon, estopa, caixas d’água e geladeiras velhas, ou em garrafas PET, sem vagem. Predomina o sistema de monocultivo, apenas 10% realizam o cultivo consorciado. Todos os entrevistados cultivam para consumo próprio, e 60% comercializam os grãos e derivados. Todos as variáveis quantitativas apresentaram diferença significativa ao nível de 1% de probabilidade pelo teste de Tukey. A análise de agrupamento pelo método de Tocher resultou na formação de três grupos, com o grupo II abrangendo 62,5% dos acessos, seguido pelo grupo I com 25%, concordando com os agrupamentos formados a partir do dendograma gerado pelo método UPGMA, e o resultado da dispersão gráfica das variedades por meio das variáveis canônicas. A análise das variáveis canônicas dos 14 caracteres quantitativos mostrou que as duas primeiras variáveis explicaram 97,49% da variação total. A altura de planta, massa de 100 grãos, índice de clorofila e número de vagens apresentaram maior contribuição relativa para a divergência genética. Nas avaliações fenológicas foi verificado que os acessos UNEMAT 024, 026 e 027 germinaram primeiro, 4 dias após a semeadura. O surgimento dos botões florais nessas variedades também foi mais precoce, aos 24 dias. Os acessos UNEMAT 021 e 022 apresentaram menor ciclo fenológico, de 100 dias, demonstrando boa adaptação às condições ambientais da região. Além de auxiliar os produtores a obter melhores rendimentos escolhendo as variedades mais produtivas, o presente estudo também evidenciou materiais genéticos promissores que podem ser empregados em novos programas de melhoramento genético na região Norte de Mato Grosso.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 253925001 - SERGIO ALESSANDRO MACHADO SOUZA
Interno - 32143004 - ANA APARECIDA BANDINI ROSSI
Externo ao Programa - 264492002 - KELLEN COUTINHO MARTINS
Notícia cadastrada em: 24/11/2020 10:19
SIGAA | Tecnologia da Informação da Unemat - TIU - (65) 3221-0000 | Copyright © 2006-2022 - UNEMAT - sig-application-03.applications.sig.oraclevcn.com.srv3inst1