Projeto Político Pedagógico

Perfil do egresso


O curso de Graduação em Educação Física da Universidade do Estado de Mato Grosso, modalidade a distância, atende a legislação e prepara os profissionais para intervirem pedagogicamente nas diferentes manifestações da cultura corporal, na escola e em outros ambientes formativos. Tem como pressuposto o reconhecimento das dimensões políticas, sociais e éticas do seu fazer pedagógico, baseado no compromisso social, estimulando análises políticas sobre as lutas históricas pela superação das desigualdades sociais, a fim de garantir o acesso aos bens e a todos que dele participam em sua produção, especificamente no campo da cultura corporal.
Os egressos do curso deverão articular os conhecimentos da Educação Física com os eixos/setores da saúde, do esporte, da cultura, do lazer e da formação de professores, cuja intervenção profissional seja qualificada para o exercício de atividades profissionais mediados pelo objeto de estudo, conforme etapa/as cursada/as que apontam o trabalho no sistema educacional e/ou outros campos de trabalho.

Áreas de Atuação do Egresso


O egresso/a do Curso de Graduação em Educação Física estará apto/a para desenvolver as funções nos seguintes campos de trabalho e atuação profissional, conforme área de atuação específica escolhida:
●Licenciado/a em Educação Física: docência na Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio, Educação Superior, Educação Especial, Educação de Jovens e Adultos, e outros cujo objeto de trabalho seja de intervenção pedagógica.
●Bacharel em Educação Física: treinamento esportivo, orientação de práticas corporais, preparação física, reabilitação, atividades de recreação, lazer e cultura, avaliação física, postural e funcional, gestão na área de Educação Física e em outros campos das práticas corporais.

Habilidades e Competências


As competências e habilidades, gerais e específicas, consistem no que será buscado ao longo do processo de formação na graduação em Educação Física, as quais irão orientar e articular os objetivos pedagógicos nas diferentes disciplinas e nas diversas formas de aprendizado para atuação nos campos de trabalho e profissional do licenciado e/ou bacharel. E, dada a importância da articulação de conhecimentos da Educação Física entre os campos de trabalho e atuação profissional, as competências e habilidades estão compreendidas em uma dinâmica processual, alcançando a dimensões do conhecimento, da prática e do engajamento profissional, as quais são mobilizadas a partir dos eixos da saúde, do esporte, da cultura, do lazer e da formação de professores.

Licenciado/a:
O/A Licenciado/a em Educação Física, capacitar-se-á em contextualizar, problematizar e sistematizar conhecimentos teóricos e práticos sobre as práticas corporais nas suas diversas manifestações, no âmbito da Educação Básica, visando a aquisição e desenvolvimento dos conhecimentos, atitudes, habilidades e competências profissionais, quais sejam:
- Compreender a dimensão cultural, social, política e econômica da educação e o papel social da escola;
- Atuar nos espaços e tempos da Educação Básica dentro da perspectiva de uma ação pedagógica transformadora, comprometendo-se com os valores inspiradores de uma sociedade democrática;
- Atuar considerando a complexidade dos processos de formação e desenvolvimento humanos nas diferentes etapas de educação básica e suas modalidades de ensino, integrando e mobilizando habilidades e conhecimentos pedagógicos e técnico-científicos;
- Compreender os métodos de produção de conhecimentos tendo em vista a construção e reconstrução de saberes docentes em Educação Física;
- Agir com autonomia intelectual e profissional visando ação pedagógica interdisciplinar calcada na coletividade;
- Reconhecer e utilizar as Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação contextualizadas ao ambiente de ensino da educação básica.
- Identificar as políticas públicas educacionais, as diretrizes curriculares e as leis que regem o universo educacional;
- Construir projetos pedagógicos para organização do trabalho educativo, contribuindo e participando da gestão escolar;
- Elaborar, implementar e avaliar programas de Educação Física escolar de modo interdisciplinar e contextualizado;
- Aprimorar a sistematização do conhecimento crítico científico na atuação docente e na formação continuada;
- Analisar e distinguir princípios éticos, políticos e estéticos para melhoria e democratização das condições de acesso e permanência na escola;
- Reconhecer e justificar o papel do professor perante a educação inclusiva bem como a diversidade nos âmbitos histórico, político, econômico e social;
- Produzir e integrar novas tecnologias ao campo da Educação Física escolar e formação continuada;
Bacharelado:
O/A Bacharel em Educação Física, qualificar-se-á para intervenção profissional em treinamento esportivo, orientação de atividades físicas, preparação física, recreação, lazer, cultura em atividades físicas, avaliação física, postural e funcional, gestão relacionada com a área de Educação Física, além de outros campos relacionados às práticas de atividades físicas, recreativas e esportivas, visando a aquisição e desenvolvimento dos seguintes conhecimentos, atitudes, habilidades e competências profissionais, quais sejam:
- Compreender os conhecimentos conceituais, procedimentais e atitudinais específicos da Educação Física e aqueles advindos das ciências afins, orientados por 

valores sociais, morais, éticos e estéticos próprios de uma sociedade plural e democrática;
- Pesquisar, conhecer, compreender, analisar e avaliar a realidade social para nela intervir acadêmica e profissionalmente, por meio das manifestações e expressões das práticas corporais, com foco nas diferentes formas e modalidades do exercício físico, da ginástica, do jogo, do esporte, das lutas, da dança, visando à formação, à ampliação e enriquecimento cultural da sociedade para a adoção de um estilo de vida fisicamente ativo e saudável;
- Intervir acadêmica e profissionalmente de forma fundamentada, deliberada, planejada e eticamente balizada nos campos da prevenção de doença, promoção, proteção, reabilitação da saúde, esporte e lazer;
- Participar, assessorar, coordenar, liderar e gerenciar equipes multiprofissionais de discussão, de definição, de planejamento e de operacionalização de políticas públicas e institucionais nos campos da saúde, do lazer, do esporte, da educação não escolar, da segurança, do urbanismo, do ambiente, da cultura, do trabalho, dentre outros;
- Diagnosticar os interesses, as expectativas e as necessidades das pessoas de modo a planejar, prescrever, orientar, assessorar, supervisionar, controlar e avaliar projetos e programas de atividades físicas e/ou esportivas e/ou de cultura e/ou de lazer;
- Planejar, prescrever, acompanhar e avaliar programas de atividades físicas, exercícios físicos, esportivos, saúde, cultura e lazer, diagnosticando os interesses, as expectativas e as necessidades a partir da compreensão da realidade social;
- Conhecer, dominar, produzir, selecionar, e avaliar diferentes técnicas, instrumentos, equipamentos, procedimentos e metodologias para a intervenção acadêmico-profissional em Educação Física nos seus diversos campos de intervenção;
- Integrar, assessorar e coordenar projetos, programas e equipes multiprofissionais para definição e operacionalização de políticas públicas, institucionais e de áreas afins;
- Produzir e integrar novas tecnologias à sua atuação e formação profissional;
- Reconhecer e avaliar os efeitos da aplicação de metodologias para a intervenção profissional e o empreendedorismo.

METODOLOGIAS E POLÍTICAS EDUCACIONAIS 


 Relação entre Ensino, Pesquisa e Extensão
A graduação em Educação Física assegura, conforme previsto na Resolução CNE/CES nº 6/2018, uma formação generalista, humanista e crítica, qualificadora da atuação acadêmico-profissional. Para tanto, o estabelecimento de vínculos entre ensino, pesquisa e extensão é fundamental nesse projeto pedagógico. Cada uma dessas três atividades é enriquecida ao serem combinadas umas com as outras. A pesquisa aprimora os processos tanto de ensino quanto de extensão, e se mostram como momento de experimentação e produção de saberes. A interação favorece um maior domínio do campo de atuação do licenciado, ao mesmo tempo que o torna mais perspicaz e flexível, permitindo ser mais assertivo em sua atuação.

Núcleo de estudos de formação geral e humanística: compreende a Unidade Curricular I (UC I) que corresponde aos estudos/conteúdos de formação geral oriundos de diferentes áreas de conhecimento, aos conteúdos das áreas específicas e interdisciplinares, seus fundamentos e metodologias. Poderá abarcar conteúdos antropológicos, sociológicos, filosóficos, psicológicos, éticos, políticos, biológicos, comportamentais, econômicos, de direitos humanos, cidadania, educação ambiental, dentre outras problemáticas centrais da sociedade contemporânea.

A graduação em Educação Física possui ingresso único para formação do/a bacharel e do/a licenciado/a, sendo composta por duas etapas: uma etapa comum e outra específica. A escolha do/a graduando/a pôr uma etapa específica irá acontecer por meio de coeficiente de nota/rendimento, depois de concluído os respectivos créditos do núcleo comum, manifestando por escrito sua opção. Ainda, considerando o sistema de crédito, o/a graduando/a pode decidir cursar disciplinas do outro núcleo específico, desde que respeitado o limite de vagas na disciplina (vagas remanescentes). O critério para atender, identificador da área de Educação Física, a ser desenvolvido pelos estudantes durante a opção de cursar disciplinas de outra etapa específica (Licenciatura e/ou Bacharelado) será por meio de coeficiente de nota/rendimento.

Subscrição das etapas:
I - Etapa Comum - Estudos de formação gerala primeira metade do curso, em que se compreende os primeiros 4 semestres, conforme descrito no quadro da Estrutura Curricular Núcleo Comum, a seguir.
II - Etapa Específica - Licenciatura - Formação específica a ser desenvolvida a partir da segunda metade do curso, em que se compreende os últimos 4 semestres, na qual os/as graduandos/as terão acesso a conhecimentos específicos da etapa de licenciatura, conforme descrito no quadro da Estrutura curricular etapa específica licenciatura, a seguir.
III - Etapa Específica - Bacharelado - Formação específica a ser desenvolvida a partir da segunda metade do curso, em que se compreende os últimos 4 semestres, na qual os/as graduandos/as terão acesso a conhecimentos específicos da etapa de bacharelado, conforme descrito no quadro da Estrutura curricular núcleo específico Bacharelado, a seguir.

definidos em conjunto pelo docente da disciplina e a coordenação do curso, durante o planejamento do período letivo.
Existe a liberdade para o docente da disciplina, em conjunto com a coordenação do curso, definirem o tipo de atividade a distância que será exigida dos discentes. De forma na exaustiva, as atividades a distância utilizadas são envio de arquivo (documentos, imagens, áudios e vídeos), questionário (questões objetivas e discursivas) e fórum.
As atividades avaliativas presenciais se constituem de provas objetivas, dissertativas ou mistas, ou ainda por seminários, oficinas ou outros eventos presenciais, considerando as especificidades de cada disciplina. Estas atividades são aplicadas aos alunos pelos tutores presenciais ou pelos dos professores das disciplinas, quando da realização de aulas presenciais nos polos.
Estes dois tipos de atividades avaliativas valem de 0,0 (zero) a 10,0 (dez) pontos, mas com pesos diferentes: as atividades a distâncias representam 40% (Quarenta por cento) da nota final e, as atividades presenciais representam 60% (Sessenta por cento) da nota final.
Será considerado aprovado(a) nas disciplinas o(a) acadêmico(a) que obtiver nota igual ou superior a 7,0 (sete) na nota final, dentro do período letivo, não havendo necessidade de realizar exame final. O(a) acadêmico(a) que obtiver nota final inferior a 7,0 (sete) e não inferior a 5,0 (cinco), terá direito a fazer o exame final, que consistirá de uma única prova escrita. Será considerado aprovado o(a) acadêmico(a) que obtiver, no exame final, nota igual ou superior a 5,0 (cinco).

 

 



 

O curso funciona na modalidade a distância, com atividades realizadas no ambiente virtual, respeitando o percentual e as especificidades de atividades presenciais obrigatórias, conforme determina a legislação educacional.
As atividades avaliativas estão divididas em duas categorias: Atividades a Distância e Atividades Presenciais. As definições dos tipos e quantidade de cada avaliação, são

Nenhum conteúdo disponível até o momento
SIGAA | Tecnologia da Informação da Unemat - TIU - (65) 3221-0000 | Copyright © 2006-2024 - UNEMAT - sig-application-03.applications.sig.oraclevcn.com.srv3inst1