Banca de DEFESA: GIVANILDO RODRIGUES DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : GIVANILDO RODRIGUES DA SILVA
DATA : 28/01/2021
HORA: 14:00
LOCAL: Cidade Universitária, UNEMAT, Cáceres - MT
TÍTULO:

Seleção de genitores e mapeamento associativo da resistência fisiológica do feijão comum ao mofo branco. 


PALAVRAS-CHAVES:

Phaseolus vulgaris L, Sclerotinia sclerotiorum Lib de Bary, GWAS. 


PÁGINAS: 130
RESUMO:

 O feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) é cultivado mundialmente e um dos problemas fitossanitários que comprometem a qualidade dos grãos e a produtividade é o patógeno Sclerotinia sclerotiorum (Lib.) de Bary, fungo causador do mofo branco. O objetivo do trabalho foi selecionar genótipos de feijão comum que apresentam reação de resistência fisiológica ao patógeno causador do mofo branco e identificar regiões genômicas associadas a essa característica. Para a seleção de genitores, avaliou-se a reação à doença em painel composto por 114 genótipos através do método de inoculação teste do canudo (TC) e teste do canudo em plântula (TCP) conduzido em casa de vegetação e condição de laboratório em delineamento de blocos ao acaso, as avaliações de notas ocorreram no 3º dia após inoculação (DAI), 5º e 7º DAI para TCP e 5º, 7º e 9º DAI para TC, transformando-as em índice de McKinney, considerou-se também a área abaixo da curva do progresso da doença. Os componentes de variâncias (REML) foram estimados e os valores genotípicos preditos (BLUP) obtidos a partir das notas. Os genótipos foram genotipados via GBS e obtidos, após MAF de 0,05, 28.823 SNPs de alta qualidade, utilizando-os para mapeamento associativo através dos modelos MLMM, FarmCPU e BLINK. As características avaliadas foram significativas (LRT ≥ 6,63), possibilitando a seleção de genótipos superiores. Assim, dado a natureza complexa da resistência fisiológica, selecionou-se os genótipos BL10, BL15, BL18 e BL95, indicados pelo ranqueamento por ambos os métodos utilizados, sugerindo alto nível de resistência fisiológica. Os SNPs associados significativamente com a característica de resistência fisiológica indicaram regiões nos cromossomos Pv02, Pv03, Pv09 e Pv10, sugerindo a presença de haplotipos dos QTLs já reportados WM2.2 BV, R31 e WM3.1AN, XC, AP além da anotação dos genes relacionados a resistência a estresses bióticos Phvul.002G023400Phvul.009G230200 e Phvul_009G232100, em regiões associdas, providenciando genes candidatos para estudos de validação.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 285519001 - THIAGO ALEXANDRE SANTANA GILIO
Interno - 101376004 - MARCO ANTONIO APARECIDO BARELLI
Interno - 132048001 - LEONARDA GRILLO NEVES
Externo à Instituição - MARIA CELESTE GONÇALVES VIDIGAL - UEM
Notícia cadastrada em: 08/01/2021 14:57
SIGAA | Tecnologia da Informação da Unemat - TIU - (65) 3221-0000 | Copyright © 2006-2022 - UNEMAT - sig-application-01.applications.sig.oraclevcn.com.srv1inst1