Banca de DEFESA: LUCILENE PEREIRA DA SILVA SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LUCILENE PEREIRA DA SILVA SANTOS
DATA : 29/03/2022
HORA: 09:00
LOCAL: Sala de aula do PPG-EC
TÍTULO:

Dinâmica da vegetação lenhosa de uma floresta de terra preta de índio e uma floresta de terra não preta adjacente no sul da Amazônia


PALAVRAS-CHAVES:

biomassa, mortalidade, recrutamento, dinâmica florestal, pré-colombianos


PÁGINAS: 35
RESUMO:

A Floresta Amazônica apresenta diferentes fitofisionomias florestais, que em sua maioria apresentam solos naturalmente distróficos. Dentre as fitofisionomias, ocorre as florestas de Terra Preta de Índio (TPI), que são manchas de solo altamente férteis espalhadas por toda a Bacia Amazônica. As TPIs chamam a atenção pelo fato de terem sido produzidas, em grande parte, por ação de povos indígenas do período pré-colombiano. Devido à elevada fertilidade desse solo, a vegetação difere da vegetação adjacente, tanto na composição florística quanto na estrutura. Entretanto, estudos que visem a dinâmica dessa vegetação são escassos ou inexistentes, especialmente os que comparam em relação à vegetação adjacente.Assim, o objetivo deste estudo é comparar a dinâmica da comunidade lenhosa de uma TPI e uma TNP (Floresta de Terra não-Preta) no Sul da Amazônia, no período de três e quatro anos, respectivamente (2017-2020 e 2016-2020). Em TPI e TNP foram estabelecidas parcelas permanentes de 1 ha (100x100m), onde foram amostrados todos os indivíduos com diâmetro à altura do peito (DAP1,30 m) ≥ 10 cm. No segundo levantamento todos os indivíduos foram remedidos e incluídos os recrutas. A floresta de TPI apresentou equilíbrio dinâmico entre mortalidade, recrutamento, perda e ganho em área basal, enquanto TNP apresentou maior dinamismo. Ao mesmo tempo que composição de espécies e a riqueza de espécies difeiru entre as florestas, no entanto TPI apresentou maior área basal (biomassa). Assim, nossos resultados sugerem que as diferenças encontradas entre as florestas, estão relacionadas a melhor fertilidade dos solos de TPI, e que essa floresta está servindo como um freio para o hiperdinamismo na borda Sul da Amazônia.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 82329001 - BEN HUR MARIMON JUNIOR
Externo à Instituição - NORBERTO GOMES RIBEIRO JUNIOR - SEDUC - MT
Externo à Instituição - Polyanna da Conceição Bispo - LEEDS
Notícia cadastrada em: 30/03/2022 08:23
SIGAA | Tecnologia da Informação da Unemat - TIU - (65) 3221-0000 | Copyright © 2006-2022 - UNEMAT - sig-application-04.applications.sig.oraclevcn.com.srv4inst1